Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Entre apoio e provocação, Palmeiras visita AACD e faz doações

A dias do clássico, jogadores ajudam crianças que precisam de doações para terem uma vida melhor

Gazeta |

Os jogadores do Palmeiras tiveram uma missão diferente no início da tarde desta quinta-feira. Em meio à semana de preparação para o clássico contra o Corinthians, jogadores e dirigentes visitaram uma das unidades da AACD (Associação de Apoio à Criança Deficiente), na zona sul da capital paulista, e receberam o apoio de crianças, mas não escaparam também de provocações de corintianos.

"O Palmeiras quer dar um suporte de carinho e emoção para eles. É importante você dividir um pouco, e eles estão nos dando muito mais energia positiva. Nós é que temos de agradecer por estarmos aqui", afirmou o vice-presidente de futebol do Verdão, Roberto Frizzo.

Siga o Twitter do iG Palmeiras e receba as novidades em tempo real

Assim que o dirigente encerrou o discurso, o clube formalizou a doação de oito próteses para a unidade que fica no bairro da Vila Clementino. O volante Marcos Assunção, o zagueiro Maurício Ramos e o atacante Luan também compareceram, assim como o gerente de futebol, César Sampaio.

Além deles, o atacante Lucas Taylor e o meia Bruno Dybal, campeões do Paulista com a equipe sub 17 em cima do Santos, completaram a delegação, que chegou ao local com o ônibus personalizado e chamou a atenção dos garotos. Em uma visita que emocionou as crianças e os jogadores, os palmeirenses ainda assistiram a uma apresentação de capoeira e brincaram de futebol com garotos.

Os visitantes não escaparam também de provocações. O superintendente geral da entidade, João Octaviano Machado Neto, agradeceu à presença dos visitantes, mas também brincou ao colocar um boné do Corinthians.

"Nós agradecemos, mas coração é coração, o Corinthians está na veia. A imagem deles é importante para as crianças, é uma alegria receber os ídolos, que podem passar uma mensagem de superação. Mas eles vão ver o boné do time que vai ser campeão no domingo", afirmou o dirigente da AACD, em tom de bom humor.

Durante a visita à fábrica ortopédica do local, os jogadores também passaram por um momento constrangedor, com um dos funcionários gritando insistentemente o nome do Corinthians. Depois, o rapaz ainda se aproximou e cumprimentou os atletas, que observavam o método de produção do espaço.

Mas os torcedores palmeirenses também marcaram presença. Crianças com camisas do Verdão se aproximavam e pediam fotografias e abraços aos ídolos. O mais assediado pelos fãs foi o volante Marcos Assunção, que foi abraçado por uma criança antes mesmo de entrar na AACD.

Na saída do local, uma torcedora alviverde ainda fez um pedido: "Vamos ganhar no domingo, né?". Os jogadores voltam aos trabalhos na tarde desta quinta-feira, pois têm o clássico contra o Corinthians, domingo, no Pacaembu, às 17h.

Leia tudo sobre: palmeirasaacdmarcos assunçãofrizzocésar sampaio

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG