Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Entidade pede para Liverpool não recorrer de punição por racismo

Luis Suárez foi punido com suspensão de oito jogos por ter insultado Patrice Evra, do Manchester United

iG São Paulo |

AP
Jogador uruguaio foi punido com oito jogos de suspensão
A Football Against Racism in Europe, entidade que trabalha na luta contra o racismo no esporte, afirmou que o Liverpool não deveria recorrer de punição dada ao jogador do time Luis Suárez . O atacante uruguaio foi suspenso de oito jogos por ter proferido insultos racistas a Patrice Evra, do Manchester United.

VEJA TAMBÉM: Federação revela xingamento racista que puniu Suárez

O diretor executivo do Football Against Racism, Piara Powar, acredita que, ao recorrer à punição, o Liverpool corre o risco de causar mais danos a sua reputação internacional. " Luis Suárez e Liverpool FC têm o direito de recorrer, no entanto gostaríamos de chamar o clube a pensar novamente sobre a sua campanha pública para contestar as acusações e contestar os princípios envolvidos no caso. Como um clube com uma boa reputação internacional, a veemência de sua campanha causa danos inquestionáveis à sua reputação”, afirmou Powar ao jornal inglês Mirror.

Após Suárez receber a punição, os jogadores do Liverpool usaram uma camisa com o nome do atacante uruguaio. No último domingo, a Federação Inglesa de Futebol (FA) revelou os relatos e provas que causaram a punição de oito jogos imposta ao atacante uruguaio Luis Suárez , do Liverpool. O documento possui 115 páginas e traz a descrição do lance entre o jogador e o lateral francês do Manchester United, Patrice Evra.

Segundo o relatório, após um carrinho de Suárez, Evra se levanta e pergunta por que ele o atingiu daquela forma. Na resposta, o sul-americano dispara: "Porque você é negro". Ainda na sequência ele chegaria a provocar comentando que "não falava com negros".

Em sua defesa, o atleta celeste garantiu que usou a palavra negro de forma carinhosa, dizendo que se refere assim aos seus companheiros de clube também. Para o tribunal, porém, o fato de tê-la repetido sete vezes e o volume da discussão vão de encontro à alegação. Agora o Liverpool têm 14 dias para definir se recorrem da decisão, que inclui uma punição de 40 mil euros.
 

Leia tudo sobre: InglaterraLuis SuarezLiverpool

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG