Tamanho do texto

Juninho, do Grêmio Barueri, acredita que o jogo contra o líder não é nenhum "bicho de sete cabeças"

A derrota diante do Sport por 3 a 2 na Arena Barueri afastou o Grêmio Barueri da possibilidade de encostar no pelotão da frente do Campeonato Brasileiro da Série B, mas não afastou o sonho, que continua vivo em Barueri.

A 12ª segunda posição não significa que a briga do clube será na parte de baixo da tabela, de acordo com o goleiro Juninho: "Nós somos um grupo unido e muito bom. O professor Estevam faz um trabalho excelente, tanto que tivemos algumas partidas de invencibilidade com a chegada dele e agora tivemos uma oscilação natural. Não vamos ficar lá embaixo por muito tempo".

Na busca pela reabilitação, Juninho considera essencial uma vitória dentro do Canindé contra a líder Portuguesa , que não é nenhum "bicho de sete cabeças": "Perder em casa e mesmo perder em nenhum momento é bom. Nós deixamos escapar a oportunidade de encostar de vez nos primeiros colocados e agora temos pela frente a Portuguesa, fora de casa. O negócio é esquecer o resultado contra o Sport e buscar a reabilitação contra o líder mesmo. Temos condições para isso".

O duelo entre o emergente Grêmio Barueri, motivado pelas palavras do goleiro Juninho, e a líder Portuguesa, que acabou de emprestar o atacante Leandro Love ao clube da Grande São Paulo, será realizado nesta terça-feira, às 20h30 (de Brasília).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.