Treinador disse que vai esperar a chegada de Leomir, auxiliar de Abel, para encontrar a melhor opção

Abel Braga só chega às Laranjeiras dia 8 de junho, mas o novo técnico do Fluminense conseguiu a liberação de Leomir junto ao Al Jazira, dos Emirados Árabes, para que seu auxiliar desembarque no Rio de Janeiro uma semana antes, no dia 1º de junho. No entanto, nem o vice de futehol e muito menos o interino Enderson Moreira sabem dizer ainda quem dirigirá o time contra o Cruzeiro, dia 4, pela terceira rodada, no Engenhão. 

“Entre para a Torcida Virtual do Fluminense e convide seus amigos”

“Ainda não discutimos isso. Até porque primeiro tenho que esperar o Leomir chegar para conversar com ele e saber qual o pensamento do Abel para esse início de trabalho. Mas aqui não tem vaidade e se ele tiver que dirigir o time à beira do campo eu vou acatar a decisão e ajudar no que for preciso como fiz até agora”, disse Enderson Moreira.

Siga o iG Fluminense no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Às vésperas de se despedir do comando técnico do atual campeão brasileiro, o treinador aproveitou para ressaltar que em nenhum momento desde que foi anunciado oficialmente como novo treinador Abel Braga interferiu na escalação do Fluminense.

“Foi o Abel que mandou eu tirar o Rafael Moura ou qualquer outro jogador da equipe. Essa foi uma decisão minha por opção tática. Foi conveniente escalar ele ao lado do Fred em algumas situações, mas com a saída do Marquinho que é um jogador de mais profundidade eu acho que agora essa não é mais a melhor opção”, explicou o interino.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.