Tamanho do texto

Apesar de não ter se firmado no Santos, atacante deverá continuar no clube paulista até julho do ano que vem, para disputar a Libertadores

Nesta época de especulações sobre quem sai e quem vem para os clubes, um nome bem conhecido da torcida do Coritiba veio à tona recentemente. Trata-se do atacante Keirrison, 22 anos, que poderia voltar a vestir a camisa do clube paranaense. Prontamente, o empresário do jogador negou. Infelizmente, para o torcedor do Coritiba, não há nenhuma possibilidade de ele vir a voltar a jogar no clube na próxima temporada, disse Marcos Malaquias.

Keirrison, cujos direitos pertencem ao Barcelona, teve um 2010 para esquecer. Não se firmou no futebol europeu e voltou para o Brasil envolvido na expectativa de que poderia formar uma dupla infernal com Neymar, no Santos. No entanto, o jogador terminou a temporada como reserva. Mesmo assim, o plano é que ele cumpra seu contrato de empréstimo com o clube paulista até julho de 2011. Ele teve sequência de lesões, mas está motivado para jogar a Libertadores, garante Malaquias.

A aposta é que Keirrison emplaque em 2011 e consiga se recolocar no mercado europeu. Depois de ser vendido ao Barcelona por 15 milhões de euros, e com tem contrato até 2014, o jogador não só não conseguiu espaço no clube catalão como também não se firmou no Benfica (Portugal) e na Fiorentina (Itália). Futebol é momento. Naquela época, o momento era de ele sair; hoje, é de ele ficar, avalia o empresário.

O Coritiba, independentemente de o jogador não mais vestir a camisa do clube, torce pelo seu sucesso. Por dois motivos: ainda trava uma disputa judicial em torno dos direitos econômicos de Keirrison e tem participação como clube revelador no caso de o atacante vier a ser vendido futuramente pelo Barcelona.

    Leia tudo sobre: futebol