Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Empresário confirma que Renato Gaúcho pediu demissão do Grêmio

Gerson Oldenburg disse que treinador irá se despedir do grupo de jogadores nesta quinta-feira

Hector Werlang, iG Porto Alegre |

Gazeta Press
Após empate com o Avaí, comandante decidius sair do time do coração
Ainda não é o anúncio oficial, porém, Renato Gaúcho não é mais o técnico do Grêmio . Nesta quinta-feira, o empresário Gerson Oldenburg confirmou que o treinador pediu demissão após o empate com o Avaí . A direção deve oficializar a saída durante a tarde.

Entre para a Torcida Virtual do Grêmio e convide seus amigos

Twitter iG Grêmio: Notícias e comentários em tempo real

Representante de Renato, Oldenburg usou o Twitter para se manifestar:

"Renato pediu demissão e à tarde se despede do grupo".

Procurado pelo iG, o empresário revelou que o treinador colocou o cargo à disposição na conversa com a direção que durou 57 minutos ainda na noite de quarta. Embora não tenha explicado o motivo da decisão, Gerson Oldenburg descartou problemas de relacionamento com o presidente Paulo Odone.

“Não há mágoa com ninguém. Foi uma decisão em caráter irrevogável. Renato dará entrevista ainda hoje para explicar a decisão", disse o representante.

Valem lembrar que desde o ano passado, a começar pelo processo de renovação contratual, o treinador teve rusgas com a direção. Primeiro foi o acerto salarial, passando por cobranças públicas por reforços e até o debate sobre viagens ao Interior para jogos do Gauchão.

Renato, então, irá ao Olímpico no começo da tarde para se despedir dos jogadores. Na sexta-feira, o empresário irá tratar da rescisão – o contrato não tinha multa nem data de término. Ainda não há a definição do substituto. Nomes como Cuca, Adilson Batista e Diego Aguirre são especulados.

Leia tudo sobre: grêmiobrasileirão 2011renato gaúcho

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG