Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Empate não agrada Atlético-GO: "Goleiro deles trabalhou mais"

Anselmo reclamou, mas foi um dos que perdeu chances de colocar o time goiano na frente do placar

Gazeta |

O atacante Anselmo marcou o gol do Atlético-GO e seu time conseguiu sair do Engenhão com um empate por 1 a 1 com o Botafogo , na noite desta quinta-feira. O resultado foi lamentado pelos cariocas, que jogavam em casa e almejavam terminar a rodada na vice-liderança, mas os atletas do time goiano não saíram do gramado festejando.

"Foi bom, porque viemos com o pensamento de pontuar. Mas se você olhar bem, o goleiro deles trabalhou mais que o nosso. Acho que dava até para sair com uma vitória", lamentou o centroavante, enquanto deixava o campo.

A chateação do atleta tem fundamento principalmente por causa da atuação dos visitantes no primeiro tempo. Depois de sair perdendo logo aos quatro minutos, com um gol de Herrera, o Dragão cresceu e chegou ao empate com Anselmo, em dividida com Márcio Azevedo. O próprio Anselmo teve chances para marcar o segundo gol, mas acabou não concluindo bem.

No segundo tempo, Márcio Azevedo chegou a evitar gol de Juninho com um corte quase em cima da linha. Enquanto isso, os torcedores do Fogão se mostravam insatisfeitos. No fim do jogo, o técnico Caio Júnior ouviu gritos de "burro" vindos das arquibancadas do Engenhão.

A igualdade foi suficiente para que o Atlético-GO deixasse a zona do rebaixamento. A equipe chegou a oito pontos e agora está em 15º. No entanto, tem páreo duro pela frente na próxima rodada: o rival será o líder Corinthians, domingo, às 16 horas (de Brasília), no Serra Dourada.

Leia tudo sobre: Atlético-GOBotafogobrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG