Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Emerson: “Deixa a gente trabalhar que a gente sabe o que faz”

“Sheik” entende torcida, mas pede paz para que equipe reencontre vitórias

Bruno Winckler, iG São Paulo |

O empate contra o São Paulo nesta quarta-feira aliviou a pressão por bons resultados que sofria o Corinthians neste Campeonato Brasileiro. A queda de rendimento que fez a equipe deixar liderança e motivou protestos no CT e até uma conversa entre jogadores e membros de torcidas organizadas, deixaram os jogadores apreensivos. Para Emerson, os protestos devem ser respeitados, mas para ele é hora de as “coisas acalmarem”.

AE
Corinthians segurou o empate e impediu terceira derrota seguida

“A semana foi conturbada e não adianta fechar os olhos e dizer que não aconteceu nada. Mas só faço um pedido. Deixa a gente trabalhar em paz. A gente sabe o que está fazendo. Deixa a gente trabalhar. Temo um elenco forte, trabalhador, com jogadores experientes”, disse o “Sheik”, que teve boa atuação no clássico. “Empatamos e agora é bom deixar as coisas se acalmarem”.

O técnico Tite preferiu não entrar no mérito dos protestos de torcedores que pediram sua saída e enalteceu o esforço que seus jogadores demonstraram para ao menos não perder.

“Estávamos em um momento de retomada de confiança. O São Paulo vinha em um momento melhor, tínhamos consciência disso. Tivemos um jogo mais seguro pelo momento que a equipe enfrentava, mas sem abrir mão de agredir”, disse Tite.
 

Leia tudo sobre: corinthiansbrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG