Tamanho do texto

Treinador do Cruzeiro conquistou apenas um ponto em nove disputados e ainda não sabe o que é vencer

A desconfiança da torcida com o trabalho de Emerson Ávila no comando do Cruzeiro está aumentando a cada rodada. Treinador que ainda não comandou equipes de expressão no futebol brasileiro, Ávila ainda não venceu à frente do time azul e vê a pressão aumentar, já que somou apenas um ponto em nove possíveis. A última vez que um técnico precisou de quatro jogos para vencer na Toca da Raposa II foi em 2007, com Dorival Júnior.

Siga o iG Cruzeiro no Twitter e receba todas as informações do seu time

Os três antecessores de Emerson Ávila venceram logo em suas primeiras partidas como técnicos do Cruzeiro. Adilson Batista assumiu em 2008 e goleou o Uberaba, por 4 x 0, pelo Campeonato Mineiro. Cuca , hoje no Atlético-MG , fez seu primeiro jogo contra o Atlético-PR, na Arena da Baixada, em 2010, e venceu por 2 x 0. Já Joel Santana bateu o Coritiba por 2 x 1, em casa, ainda neste ano.

Entre para a torcida virtual do Cruzeiro e convide os seus amigos

Emerson Ávila ainda não venceu como técnico do Cruzeiro e pressão aumenta a cada rodada
Vipcomm
Emerson Ávila ainda não venceu como técnico do Cruzeiro e pressão aumenta a cada rodada

O último técnico que precisou de quatro jogos para vencer no Cruzeiro foi Dorival Júnior , hoje no Internacional . Dorival foi contratado em 2007 e, assim como Ávila, perdeu duas e empatou outra nos seus três primeiros jogos. O primeiro triunfo veio somente no quarto jogo, contra o Palmeiras.

O atual treinador do Cruzeiro empatou com o Palmeiras e perdeu para Fluminense e Santos. Ele reconhece o início ruim, mas recomenda cabeça no lugar para encontrar o caminho das vitórias. "São três rodadas e apenas um ponto. Muito pouco. Precisamos reverter essa situação. O tempo foi curto (para treinamento e armação do time) nos três jogos que dirigi. Mas não posso me apegar a isto como culpa pra fugir da responsabilidade. Agora, temos uma semana e mesmo com os desfalques vamos pensar em montar uma equipe forte. O que importa na competição é vencer e vencer", avaliou o treinador do Cruzeiro.

A diretoria do Cruzeiro é enfática ao dizer que Ávila é o técnico efetivo do clube, mesmo que um treinador de expressão volte ao mercado. Todavia, o próprio presidente Zezé Perrella já deixou claro que todo técnico precisa de resultados para se manter no cargo e a paciência diminui a cada insucesso. Ainda mais com os rumores sobre uma possível saída de Felipão do Palmeiras , nome que agrada e muito aos dirigentes celestes.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.