Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Em tarde de Márcio, Atlético-GO segura empate diante do Goiás

Com o resultado, o Atlético-GO precisa apenas de um empate para assegurar o título estadual de 2011

Gazeta |

Em jogo muito quente no Serra Dourada, o Atlético-GO terminou a primeira partida da final do Estadual, diante do Goiás, com dois jogadores a menos, mas contou com grande atuação do goleiro Márcio e segurou um empate em 1 a 1. Os gols do eletrizante confronto foram marcados por Rafael Tolói, para o Goiás, e Marcão, para o Atlético-GO.

Com o resultado, a equipe do técnico PC Gusmão precisa apenas de um empate para assegurar o título, enquanto o rival precisa de uma vitória para se sagrar campeão.

O Jogo

Goiás começou o duelo em cima, sem dar chances para o Atlético respirar. Após laguns bons lances com Fellipe Amorim e Guto, ganhando todas da defesa rubro-negra, veio o gol. Aos 20 minutos de partida, Oziel cobrou escanteio e Rafael Tolói subiu mais alto que a zaga adversária para marcar o seu sexto gol no torneio.

Futura Press
Oziel, do Goiás, e Agenor, do Atlético-GO, disputam lance na decisão
Mesmo após abrir vantagem, o time esmeraldino seguiu em cima do rival, mas um vacilo acabou dando o empate para o Dragão. Marcão aproveitou falha da defesa e um chute errado do goleiro Pedro Henrique, matou a bola, trouxe para dentro e só teve o trabalho de mandar para as redes, aos 37.

Ainda antes do intervalo, quase veio o segundo do Goiás. Robert cobrou falta da intermediária com uma bomba, acertando o travessão de Márcio. Após mais dois lances, um para cada lado, o árbitro Eduardo Tomaz terminou o eletrizante primeiro tempo.

Logo nos primeiros minutos da etapa final, quase um replay do primeiro tento esmeraldino. Após escanteio, Tolói subiu mais alto que a defesa e cabeceou firme, mas, dessa vez, Márcio apareceu bem e fez a defesa.

Foi a partir daí que o arqueiro do Dragão começou a decidir. Precisando se multiplicar nas várias bolas que chegaram ao seu gol, viu Agenor e Pituca levarem o cartão vermelho após faltas duras em Fellipe Amorim.

Com pelo menos dois lances milagrosos, salvando cabeçada Assuério e chute a queima-roupa de Amorim, Márcio então garantiu o empate, levando a vantagem do Atlético para a decisão da semana que vem.

FICHA TÉCNICA - GOIÁS 1 x 1 ATLÉTICO-GO

Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia-GO
Data: 8 de maio de 2011, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Eduardo Tomaz
Assistentes: Márcio Soares e Édson Antônio
Cartões Amarelos: Valmir Lucas e Rafael Toloi (Goiás); Marcão, Anderson e Ramalho (Atlético)
Cartões Vermelhos: Agenor e Pituca (Atlético)
Gols: GOIÁS: Rafael Tolói, aos 20 minutos do primeiro tempo
ATLÉTICO-GO: Marcão, aos 37 minutos do primeiro tempo

GOIÁS: Pedro Henrique; Ernando, Rafael Toloi, Valmir Lucas e Oziel; Marcão (Thiaguinho), Carlos Alberto, Amaral e Robert; Felipe Amorim e Guto (Assuério).
Técnico: Arthur Neto

ATLÉTICO-GO: Márcio; Victor Ferraz, Jairo, Anderson e Thiago Feltri; Agenor, Ramalho, Pituca e Anaílson (Élvis); Felipe (Juninho depois Diogo Campos) e Marcão
Técnico: PC Gusmão

Leia tudo sobre: atletico-gogoiáscampeonato goiano 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG