Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Em nota, Real Madrid defende Marcelo e contesta Mano

Clube espanhol negou a informação de que o jogador pediu dispensa da seleção para jogar em Madri

Paulo Passos, iG São Paulo |

O Real Madrid divulgou nesta terça-feira no seu site oficial uma nota informando que Marcelo não jogou o amistoso da seleção contra a Escócia, no dia 27 de março, por estar lesionado. Nesta segunda-feira, Mano Menezes colocou em dúvida a lesão sofrida pelo lateral durante o treinamento do Brasil em Londres , no dia 25 de março, o que motivou a dispensa do jogador.

Reprodução
Site do Real Madrid questionou a informação divulgada por Mano Menezes
O técnico da seleção brasileira confirmou em entrevista ao Sportv que o pedido de dispensa foi um dos motivos que o levaram a não chamar o lateral para a Copa América. "Essa questão engloba tudo que se pensa também sobre postura para se estar na seleção brasileira. Para mim, a coisa que existe mais importante é a seleção brasileira, e quero que todos sintam isso. Eu não gosto só de sentimentos, me apoio em fatos. Eu fiquei na Europa pós-jogo da Escócia e algumas coisas que eu vi comprovaram o que eu estava pensando", afirmou o técnico.

Sem citar o nome de Mano Menezes, o clube questionou a versão do técnico. A nota do Real Madrid explica que o jogador se apresentou à seleção sentindo dores e que a situação piorou após ele se chocar com um companheiro durante um treinamento, um dia antes da partida contra a escócia.

O comunicado do clube espanhol encerra “lamentando a versão que foi divulgada sobre a ausência de Marcelo na convocação da Copa América que questiona a indubitável vontade do jogador de atuar com a sua seleção.”

Segundo a nota do Real Madrid, Marcelo se lesionou nas costas no dia 19 de março em uma partida contra o Atlético de Madri. No dia 24, o jogador se apresentou à seleção e, um dia depois treinou com a seleção. No trabalho, Marcelo recebeu um golpe nas costas e deixou o campo machucado . “Depois de exames se confirmou a existência de uma contusão muscular que o impediam de jogar contra a escócia”, diz a nota.

Após isso, Marcelo voltou para a Espanha. Segundo o Real Madrid, como as moléstias continuavam, os serviços médicos do clube conversaram com José Luiz Runco, médico da seleção brasileira. “Após uma ressonância magnética, se confirmou uma lesão no músculo obliquo direito das costas, com um período de recuperação de duas semanas” afirma o comunicado.

Marcelo voltou a jogar antes do período previsto, no dia 5 de abril, contra o Tottenham pela Liga dos Campeões.

Milton Trajano
Mano Menezes acumulou mais um desentendimento na carreira


Mensagem errada
Perguntado pelo apresentado do Sportv, Galvão Bueno se, entre os motivos que o levaram a não convocar Marcelo estava um e-mail que teria chegado às mãos de Mano, o treinador foi firme: "Chegou". Depois, foi explicado que no e-mail, escrito por Marcelo, provavelmente endereçado ao clube, o jogador dizia ao Real Madrid que "já resolvi tudo aqui e já posso jogar aí", em referência à dispensa. Mano confirmou: "Foi quase isso mesmo".

O treinador, porém, garantiu que as portas não estão fechadas para Marcelo na seleção. "Não vou deixar de convocar um jogador que está jogando a bola que o Marcelo está jogando só por questões pessoais. Eu penso que as pessoas, em determinados momentos, até por pressão, elas cedem. A gente sabe que o (José) Mourinho (técnico do Real Madrid) trabalha forte e talvez o momento levou que as coisas levassem a essa condição", completou.

 

AFP
Uma semana depois de pedir dispensa da seleção, Marcelo jogou pelo Real Madrid na Liga dos Campeões

Leia tudo sobre: seleção brasileiraMano MenezesMarcelo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG