Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Em noite de Marlos, São Paulo faz 3 a 1 no Grêmio e mantém 100%

No Morumbi, time da casa foi superior, venceu e chegou a 12 pontos na liderança do Brasileirão

Bruno Winckler, iG São Paulo |

nullA garotada do São Paulo foi bem mais uma vez e pela quarta vez seguida neste início de Brasileirão a equipe saiu de campo com uma vitória. Contra o Grêmio , em um Morumbi gelado, o São Paulo venceu por 2 a 1 e se manteve na liderança do campeonato com 100% de aproveitamento. Nenhuma equipe pode alcançar o São Paulo nesta rodada.

AE
Marlos chuta para marcar o segundo gol do São Paulo
E na vitória são-paulina, o principal nome não estava entre os mais prováveis antes do duelo. O são-paulino torce o nariz quando ouve o nome de Marlos . A falta de eficiência do meia-atacante na maioria de seus jogos com a camisa do São Paulo pode justificar essa birra do torcedor. Mas por 90 minutos, neste sábado, contra o Grêmio, no Morumbi, Marlos foi além e surpreendeu positivamente. Deu um passe e marcou o segundo gol da vitória.

Entre para a torcida virtual do seu time e convide seus amigos

Já o Grêmio, com o camisa 10 Douglas em dia pouco inspirado, viu o São Paulo jogar sem mostrar reação. Com o resultado, a equipe gaúcha se mantém com seis pontos e pode perder até cinco posições após o encerramento da rodada.

Na próxima rodada, o São Paulo enfrenta o Ceará, em Fortaleza, e o Grêmio pega o Vasco no estádio Olímpico em Porto Alegre.

3 a 1

Carpegiani surpreendeu na escalação inicial e ao contrário do que havia divulgado na sexta-feira o São Paulo foi a campo com uma formação mais ofensiva. Ao invés do volante Carlinhos Paraíba, o treinador colocou o meia-atacante Marlos para deixar a equipe mais ofensiva. E a mudança deu certo.

Em uma noite bem fria no Morumbi, o São Paulo esquentou o jogo desde o apito inicial do árbitro. A alteração feita pelo técnico são-paulino favoreceu os avanços da equipe pelo lado esquerdo e Marlos justificou a opção feita por Carpegiani.

Logo no início do jogo, aos 12 minutos, Marlos fez boa trama de passes com Juan pelo lado esquerdo da defesa gremista e a bola sobrou para Casemiro na entrada da área. Como no ultimo jogo da equipe de Paulo César Carpegiani, contra o Atlético-MG, o camisa 8 são-paulino chutou forte e a bola desviou no zagueiro Saimon antes de entrar no gol de Victor.

O gol fez justiça ao desenho do jogo até então e não mudou o cenário do primeiro tempo. O Grêmio, perdido na formação com apenas um atacante – Júnior Viçosa – não ameaçava o São Paulo. O meia Douglas, bem marcado pelo volante Wellington, não conseguia criar nenhuma grande chance.

Mais veloz que o Grêmio, o São Paulo construiu ótimas jogadas pelos dois lados do campo de ataque, com Lucas e Marlos, mas os dois falharam nas finalizações quando apareceram na frente do gol do Grêmio.

“Eu, Lucas e Dagoberto somos rápidos então a gente tem de continuar assim. Fomos bem no primeiro tempo e se a gente continuar assim temos tudo para ganhar esse jogo”, disse Marlos no intervalo da partida.

Na volta dos vestiários, Renato Gaúcho percebeu que sua equipe seria presa fácil no Morumbi se continuasse com apenas um atacante. E perdendo o jogo, optou por sacar o zagueiro Neuton para dar lugar a Lins.

Com essa mudança, o Grêmio mudou sua postura e mesmo ainda não conseguindo controlar a velocidade do ataque do São Paulo, passou a assustar mais o São Paulo.

Desta forma, o Grêmio chegou ao empate aos 8 minutos. Rochemback cobrou falta, buscando Rafael Marques. Mas foi Casemiro que acabou mandando para o gol.

O empate poderia dar novo ânimo ao Grêmio, mas o São Paulo manteve a velocidade do seu jogo e conseguiu reassumir a liderança com facilidade.

Aos 16 minutos, após falha de Douglas no meio campo, Marlos aproveitou e na cara de Victor não vacilou. Chutou forte de direita mesmo sendo canhoto mandou para o fundo das redes.

O São Paulo mantinha a bola no chão e o terceiro gol saiu após linda jogada conduzida por Lucas e Dagoberto aos 39 minutos. Jean recebeu dentro da área e depois de driblar o goleiro mandou para o gol. Placar justo no Morumbi.

FICHA TÉCNICA - SÃO PAULO 3 x 1 GRÊMIO
Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo
Data: 11 de junho de 2011, sábado
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Paulo Godoy Bezerra (SC)
Assistentes: Carlos Berkenbrock (Fifa-SC) e Marco Antonio Martins (SC)
Cartões Amarelos: Rodrigo Souto, Jean (SP); Lúcio, Fábio Rochemback (GRE)
Cartão vermelho: Rafael Marques (GRE)
Renda: R$ 372.089,00
Público: 14.671 pagantes
GOLS: Casemiro, aos 12 minutos do 1º tempo. Casemiro (contra), aos 8, Marlos, aos 16 e Jean, aos 39 minutos do 2º tempo

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Jean, Xandão, Luiz Eduardo e Juan (Bruno Uvini); Wellington, Casemiro (Carlinhos Paraíba), Rodrigo Souto, Marlos (Ilsinho) e Lucas; Dagoberto. Técnico: Paulo César Carpegiani.

GRÊMIO: Victor; Mário Fernandes, Saimon, Rafael Marques e Neuton (Lins); Fábio Rochemback, Fernando, Gabriel (Marquinhos), Lúcio e Douglas; Junior Viçosa (Roberson). Técnico: Renato Gaúcho.
 

Leia tudo sobre: Brasileirão 2011São PauloGrêmio

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG