Tamanho do texto

Visitantes não conseguiram superar a equipe cearense, que agora respira em sua luta contra o rebaixamento

O Paraná Clube começa a dar adeus ao sonho do acesso à primeira divisão do Campeonato Brasileiro. O time foi a Juazeiro do Norte e perdeu para o Icasa por 3 a 1, no Estádio Romeirão. Com o resultado, os paranistas estacionam em 35 pontos, cada vez mais distantes do G4. Já o time cearense respira em sua luta contra o fantasma da degola, chegando aos 32 pontos na classificação da Série B.

O Paraná abriu o placar aos 19 minutos da primeira etapa, com Dinélson, que recebeu passe açucarado e fuzilou para as redes. No lance, o meia sentiu uma lesão e foi substituído. O empate do Icasa veio aos 38 minutos, com Preto, que aproveitou cochilo da defesa. Na segunda etapa, aos 27 minutos, Júnior Xuxa, de falta, decretou a virada. João Salles ainda fez o terceiro, aos 37 minutos.

Na próxima rodada, o Icasa encara o ASA, sábado, no Estádio Coaracy Fonseca, em Arapiraca. Já o Paraná Clube volta a campo na sexta-feira, quando recebe o Vitória, na Vila Capanema, na capital paranaense.

O jogo
Desesperado pelos três pontos em casa para se afastar da zona do rebaixamento, o Icasa começou com maior posse de bola, mas não conseguia pressionar. Aos quatro minutos, Hernane tentou invadir a área e foi travado por Flávio. Na resposta, Marciano tentou um chute de fora da área, aos seis minutos, e pegou mal, fraco. A partida era corrida, mas com poucas chances claras de gol.

Janílson chegou pela lateral, aos 16 minutos, fez o levantamento para o bloqueio de Marquinho. O Paraná estava mais próximo do primeiro gol, e ele saiu aos 19 minutos, com Dinélson, que recebeu na área e arrematou forte, estufando as redes. No lance, o meia paranista sentiu uma lesão e saiu para a entrada de Giancarlo.

O Icasa passou a ficar com a bola, enquanto o adversário jogava na base do contra-ataque. Aos 27 minutos, Guto fez o lançamento em profundidade e a bola ficou com a defesa paranaense. Depois de muita luta no meio-campo, saiu o empate. Aos 38 minutos, após uma falha de Brinner, Osmar roubou a bola e serviu Preto, que só teve o trabalho de finalizar. Aos 42 minutos, Itaqui disparou o petardo, Pitol deu rebote e Brinner quase se redimiu.

Depois do intervalo, nenhuma alteração nas duas equipes. O Icasa aproveitava as falhas do Paraná para assustar, como aos quatro minutos, com Marciano pegando a bola de Douglas Packer e arrematando à direita da meta. Aos seis minutos, Eliélton bateu forte e Luís Carlos realizou boa intervenção. O Icasa voltou melhor, aproveitando a postura defensiva do Paraná

O time da casa começou a pressionar e chegou com perigo em dois lances seguidos. Aos 14 minutos, Osmar fez o cruzamento e Junior Xuxa completou pela linha de fundo. Um minuto depois, Preto aproveitou falha e chutou para grande defesa de Luís Carlos. Os paranistas acordaram e tiveram grande oportunidade com Douglas Packer, aos 21 minutos, carimbando a trave de Pitol. No rebote, Giancarlo perdeu.

O Icasa chegou a virada aos 27 minutos, com Júnior Xuxa, que cobrou falta colocada, no cantinho, para balançar as redes. Aos 31 minutos, Giancarlo partiu para cima da defesa cearense e foi travado na hora certa. O drama tricolor aumentou aos 37 minutos. João Salles aproveitou levantamento para desviar para o gol e ampliar a vantagem. O Paraná não fez uma boa apresentação e já começa a se preocupar com a degola.