Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Em jogo fraco, Santos empata com o Vitória e fica longe do título

Santos e Vitória ficaram no 1 a 1, nesta quarta-feira, na Vila Belmiro, e não apresentaram um bom futebol

Samir Carvalho, iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237861820607&_c_=MiGComponente_C

O Santos apenas empatou com o Vitória por 1 a 1, nesta quarta-feira, na Vila Belmiro, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro, e ficou mais longe do título brasileiro. Com poucas jogadas de ataque dos dois lados, as duas equipes marcaram os gols ainda no primeiro tempo, e não conseguiram apresentar um bom futebol. Neymar marcou o gol do Santos, enquanto Júnior empatou para os baianos.

Santos e Vitória entraram em campo com objetivos distintos em campo. Os santistas jogaram com chances remotas de conquistarem o título brasileiro. Enquanto os baianos estão perto da zona de rebaixamento. Com apenas um ponto somado, o Santos ficou na quinta colocação, com 50 pontos ganhos. Já o Vitória chegou aos 38 pontos ganhos, na 14ª colocação.

Após enfrentar o Vitória, o Santos joga contra o Atlético-MG, no próximo sábado, às 19h30 (de Brasília), na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas-MG, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. Já os baianos enfrentam o Cruzeiro, no próximo domingo, às 17h (de Brasília), no Barradão, em Salvador.

Veja os gols de Santos 1 x 1 Vitória

 

O jogo

A partida começou com as duas equipes demonstrando dificuldades para saírem jogando. Desta forma, o primeiro lance aconteceu após um chutão da zaga do Santos. Aos 12 minutos, Neymar recebeu na entrada da área e tocou de primeira para Zé Eduardo chutar cruzado, a bola passou na frente do goleiro, que espalmou para escanteio.

Os dois times erravam muitos passes e não conseguiam criar jogadas de perigo. O Vitória só assustou o goleiro Rafael aos 24 minutos. Elkesson foi derrubado por Roberto Brum. O árbitro marcou a falta na entrada da área e advertiu o volante com o cartão amarelo. Na cobrança, o goleiro Viáfara chutou para fora.

Apesar da dificuldade de entrar na área do adversário, o Santos abriu o marcador em uma triangulação. Aos 33 minutos, Alan Patrick tocou para Marquinhos, que de primeira serviu Neymar. O camisa 11 ficou na frente do goleiro Viáfara e tocou rasteiro no canto para abrir o marcador.

Depois do gol do Santos, a partida ficou mais movimentada. Faltando cinco minutos para acabar o primeiro tempo, o Vitória empatou o jogo. Bida fez uma boa jogada e encontrou Júnior na marca do pênalti. O atacante driblou Edu Dracena com facilidade e chutou rasteiro para empatar o jogo.

O segundo tempo começou um pouco mais movimentado que a primeira etapa. No entanto, Santos e Vitória saíam com mais velocidade para o ataque, mas não conseguiam finalizar com perigo para o gol. Os baianos forçavam as jogadas pelo lado esquerdo do ataque, com os apoios de Egídio. Aos 11 minutos, o lateral foi derrubado por Edu Dracena. Na cobrança da falta, Bida chutou forte e a bola raspou o travessão do gol de Rafael.

Sem pressionar o Vitória, o técnico Marcelo Martelotte colocou Keirrison na vaga de Alan Patrick e passou a jogar com três atacantes. Antônio Lopes respondeu a substituição do Santos, e tirou Elkeson para a entrada do veterano Ramón. Os dois times exageravam nos erros de passe e não chegavam ao gol adversário.

Desta forma, os dois treinadores mexeram mais uma vez nas equipes. Lopes tirou Adaílton para a entrada de Henrique. Enquanto Martelotte foi vaiado após sacar Zé Eduardo para a entrada de Marcel. Em uma das poucas jogadas de perigo de Neymar, o atacante sofreu uma falta por trás e provocou a expulsão do zagueiro Thiago Martinelli. Um minuto depois, Antônio Lopes tirou Egídio e colocou o zagueiro Gabriel. Já Martelotte sacou Danilo para entrada de Maranhão.

No final do jogo, o Santos tentou pressionar no desespero, mas não conseguia finalizar para o gol. Desta forma, a partida terminou empatada em 1 a 1, e os jogadores deixaram o campo recebendo muitas vaias da torcida.

FICHA TÉCNICA ¿ SANTOS 1 X 1 VITÓRIA

Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 3 de novembro de 2010, quarta-feira
Horário: 19h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Edivaldo Elias da Silva (PR)
Assistentes: Paulo Ricardo Silva Conceição e João Monteiro de Souza Júnior (ambos do RS)
Renda: R$ 112.825.00
Público: 4.643 pagantes
Cartões amarelos: Roberto Brum, Edu Dracena, Alex Sandro e Danilo (Santos); Uelliton, Thiago Martinelli e Anderson Martins (Vitória) 
Cartão vermelho: Thiago Martinelli

Gols:
SANTOS: Neymar, aos 33 minutos do primeiro tempo
VITÓRIA: Júnior, aos 40 minutos do primeiro tempo

SANTOS: Rafael; Pará, Edu Dracena, Durval e Alex Sandro; Roberto Brum, Danilo (Maranhão), Marquinhos e Alan Patrick (Keirrison); Neymar e Zé Eduardo (Marcel)
Técnico: Marcelo Martelotte

VITÓRIA: Viáfara; Nino Paraíba, Thiago Martinelli, Anderson Martins e Egídio (Gabriel); Neto Coruja, Uelliton, Bida e Elkeson (Ramón); Adailton e Júnior
Técnico: Antonio Lopes

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG