Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Em jogo de seis gols, ASA vence o Paraná

Equipe paranaense segue na parte de cima da tabela, mas perdeu chance de empatar com os líderes

Gazeta |

Em uma partida repleta de alternativas e muitos gols, o ASA de Arapiraca mostrou que iniciou uma arrancada na Série B do Campeonato Brasileiro e bateu o Paraná Clube por 4 a 2, no Estádio Coaracy Fonseca, subindo para a 8ª colocação, com 14 pontos. Os paranaenses, que fazem boa campanha na competição, permanecem na briga pelo G-4, com 17 pontos ganhos.

A equipe alagoana precisou de seis minutos e uma penalidade para abrir o placar. Raul cobrou e balançou as redes. Aos 17 minutos foi a vez de Marinélson, que aproveitou cruzamento para desviar para o gol. O Paraná reagiu rápido e descontou aos 19 minutos, com Jéferson Maranhão. Aos 33 minutos, Didira aumentou a vantagem alvinegra.

Após o intervalo, Giancarlo perdeu um pênalti, mas se reabilitou aos 23 minutos, marcando o segundo gol paranista. A reação não durou muito tempo, já que aos 29 minutos, em um contra-ataque rápido, Mariélson chutou cruzado e fechou a contagem.

Na próxima rodada, o ASA volta a campo na terça-feira, quando encara o São Caetano, no Estádio Anacleto Campanella. No ABC Paulista. Já o Paraná Clube terá pela frente o Vila Nova, sexta-feira, na Vila Capanema, em Curitiba.

O jogo

Em alta velocidade, o Paraná conseguiu criar a primeira boa chance da partida, logo no primeiro minuto, com Lima, que chutou de longe para defesa de Gilson, que deu rebote nos pés de Giancarlo, que perdeu. Porém, na resposta, aos quatro minutos, Júlio César derrubou Didira a área e o árbitro marcou para a penalidade para o time da casa. Na cobrança, Raul bancou as redes e abriu o placar. O gol fez os alagoanos cresceram. Aos sete minutos, Alexsandro chutou n ângulo e errou por pouco o alvo.

Depois de começar pressionado, o Paraná sentiu o gol e começou a dar espaço para o adversário. Aos 11 minutos, Raul fez o cruzamento e a defesa paranista tirou o perigo. Mas, aos 17 minutos, o levantamento encontrou Mariélson, que apareceu com liberdade para desviar e aumentar a vantagem no marcador. A comemoração durou pouco, já que aos 19 minutos, Jeferson Maranhão recebeu na área e bateu no cantinho para descontar.

O jogo era bom em Arapiraca, com muitas alternativas. Aos 22 minutos, Lima chutou, Gilson bateu roupa e Giancarlo chutou errado. As ações estavam equilibradas, até que dois lances complicaram o Paraná. Aos 32 minutos, Didira aproveitou cochilo da zaga para tocar na saída de Zé Carlos e ampliar para o ASA. Um minuto depois, Cris fez falta violenta e foi expulso. Aos 36 minutos, Mariélson fez o levantamento, Raul desviou e Zé Carlos salvou. Mesmo com um a menos, a equipe paranista ainda colocou uma bola no travessão, com Luiz Camargo, aos 42 minutos.

No segundo tempo, o Paraná voltou com Luciano Castán para recompor a defesa. Debaixo de muita chuva, o ASA criou a primeira chance, com Alexsandro, em um chute de longe que è Carlos defendeu. Um minuto depois Jefferson Maranhão foi derrubado na área. Pênalti para o Tricolor. Na cobrança, Giancarlo bateu no meio do gol e facilitou a defesa de Gilson. Aos 11 minutos, por cera ao ser substituído, Emerson recebeu o segundo cartão amarelo e também foi expulso.

Assim como aconteceu com os paranaenses na primeira etapa, os alagoanos cresceram de produção com um jogador a menos. Aos 15 minutos, Fabinho Romão mandou um chute certeiro e Zé Carlos fez milagre. Dois minutos depois foi a vez de Didira tentar, pela linha de fundo. Porém se reabilitando do pênalti perdido, Giancarlo, aos 23 minutos, dominou a bola e tocou com consciência para marcar.

A reação, no entanto, durou pouco. Aos 29 minutos, com um chute cruzado, Mariélson fez o quarto da equipe de Arapiraca. Oliveira entrou com vontade e, aos 32 minutos, fez bom lançamento para Giancarlo, que não aproveitou. O ASA administrava bem a vantagem no placar e deixava o tempo passar. Se reação após o quatro gol, o Tricolor amargou uma derrota fora de casa.

Leia tudo sobre: asa-alparanásérie b

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG