Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Em eleição apertada, candidatos de situação passam para 2º turno no Inter

Chapa de Giovanni Luigi obteve 119 votos (38,3%). Concorrerá com ele Pedro Affatato, que recebeu 96 votos (30,9%) no pleito da noite desta segunda

Gazeta Esportiva |

Os dois candidatos de situação à presidência do Internacional disputarão o voto do associado no dia 4 de dezembro. Em votação realizada há instantes no Conselho Deliberativo, a chapa 3, de Giovanni Luigi, obteve 119 votos (38,3%). Concorrerá com ele Pedro Affatato, que recebeu 96 votos (30,9%). O oposicionista Sandro Farias não se classificou para o segundo turno por muito pouco: recebeu 90 votos, apenas seis a menos que Affatato, ficando com o terceiro e último lugar.

Pelo regulamento, apenas os dois primeiros candidatos que obtivessem pelo menos 25% dos votos dentro do conselho passariam para o segundo turno, quando os sócios decidem quem será o próximo mandatário do clube. Por isso, mesmo que Farias tenha superado esta cláusula de barreira (fez 29%), não poderá participar da etapa final da eleição.

O índice de comparecimento dos conselheiros foi de 89,9% (311 dos 346 votaram). Para o segundo turno, cerca de 60 mil sócios estão aptos a votar. Luigi é o candidato de Vitório Piffero e Fernando Carvalho, atuais presidente e vice de futebol, os dois principais líderes políticos colorados da atualidade. Affatato, embora componha a atual gestão (é vice-presidente de finanças), também lançou candidatura.

Leia tudo sobre: internacional

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG