Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Em crise, São Bento corre risco de fechar após 98 anos

Sem dinheiro para salários, time pode dar W.O. e cair para a Série A3 do Paulista. Presidente pede ajuda

AE |

O São Bento, de Sorocaba (interior de São Paulo), enfrenta a pior crise de quase um século de sua história e pode fechar as portas. O time, que já foi temido pelos clubes grandes em seu estádio, assiste a uma debandada dos jogadores que estão sem receber salários e pode não ter time para pôr em campo, sábado, contra a União Barbarense, pela Série A2 do Campeonato Paulista.

Os jogadores que ficaram no clube estão em greve e se negam a jogar sem pagamento. Eles não treinam desde segunda-feira. Na terça, o presidente Luís Augusto Manenti fez um apelo público pedindo ajuda financeira. São necessários R$ 200 mil para colocar a folha em dia, sem contar outros débitos.

Nesta quarta-feira, o volante camaronês Steve pediu para sair. "Gosto do clube, mas tenho família para sustentar", justificou. A crise não é de agora. Durante uma partida em 2009, o então presidente do São Bento, David Ferrari, chegou a correr uma urna entre os torcedores pedindo doações em dinheiro para pagar o elenco. Arrecadou exatos R$ 87.

Gazeta Press
Lance de derrota do São Bento (azul) para o São José, pela Série A2. Time perdeu 7 em 12 jogos
Com pouco apoio da torcida, o time vem de resultados ruins na A2: dos 12 jogos disputados, ganhou três e empatou um. Caso não coloque os jogadores em campo domingo, vai perder por W.O. e pode ser punido com o rebaixamento. "Melhor será fechar as portas", disse Manenti.

Sua esperança é obter antecipadamente as cotas de patrocínio que o clube tem até o final do ano. O presidente chegou a convocar uma coletiva de imprensa para pedir socorro. "O São Bento está para acabar. Preciso da ajuda imediata para evitar que o clube feche", apelou.

Segundo ele, a crise é motivada por disputas internas - antigos diretores teriam até ameaçado os patrocinadores. A FPF (Federação Paulista de Futebol) informou que, se não entrar em campo sábado, o São Bento será julgado e pode ser punido com multa e uma pena que pode ir da perda de pontos à expulsão do campeonato, caso em que cairia direto para a Segunda Divisão do Paulista, que está abaixo da Série A3.

Leia tudo sobre: São BentoPaulista Série A2

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG