Presidente da Fifa enviou um comunicado ao ministro do esporte Aldo Rebelo nesta terça-feira

Presidente da Fifa quer reunião com Dilma
Reprodução
Presidente da Fifa quer reunião com Dilma
O presidente da Fifa, Joseph Blatter, enviou nesta terça-feira uma carta pedindo desculpa ao Governo Federal e à presidente Dilma Rousseff. O comunicado foi mandado após o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, afirmar que não aceitará mais o secretário-geral da entidade, Jèrôme Valcke, como interlocutor para assuntos relacionados à Copa de 2014 .

Na carta divulgada nesta terça-feira pelo Ministério do Esporte, Blatter diz estar “extremamente preocupado com relação à deterioração da relação entre Fifa e o governo brasileiro”. O dirigente afirma também que gostaria de se reunir o mais breve possível com a presidente Dilma Rousseff na próxima semana.

Leia: Após desculpas, ministro já estuda conversar com Valcke

Blatter, entretanto, não comentou o veto brasileiro a Valcke. Ele aconteceu após o secretário-geral da entidade afirmar, na última sexta-feira, que o Brasil precisava de um “chute no traseiro” para acelerar a organização do Mundial. Na segunda, em carta enviada o governo brasileiro, Valcke pediu desculpas ao ministro e disse que houve um erro de tradução .


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.