No segundo jogo sem o técnico Ricardo Gomes, time carioca tem de voltar a vencer sob o comando de Cristóvão

Agência O Globo
O auxiliar Cristóvão dirigiu o time do Vasco contra o Ceará
Embalado no Campeonato Brasileiro após a rodada do meio de semana que deixou o time na vice-liderança da competição, o Vasco viaja até Minas Gerais onde vai encarar o lanterna América-MG , às 16h, neste domingo, na Arena do Jacaré. Os cruz-maltinos podem assumir a ponta da tabela em caso de triunfo e derrota do Corinthians, enquanto que para os mineiros os três pontos são fundamentais para tentar sair da degola.

Sem poder contar com o técnico Ricardo Gomes, que segue internado após sofrer um AVE , Cristovão Borges tem alguns problemas para escalar a equipe do Vasco. O atacante Alecsandro foi vetado pelo departamento médico, assim como o lateral-esquerdo Julinho e o volante Jumar. No entanto, o interino terá a volta do lateral-direito Fagner.

Entre para a Torcida Virtual de Vasco ou América-MG e convide seus amigos

Assim, a tendência é a de que Cristovão escale Élton no ataque e Fagner na lateral, com Allan voltando para o banco de reservas.

Outro desfalque certo é o zagueiro Dedé, que está com a Seleção Brasileira em Londres para a disputa do amistoso contra Gana. Em seu lugar vai entrar Victor Ramos, contratado recentemente pelos cruz-maltinos.

Givanildo Oliveira, técnico do América-MG
AE
Givanildo Oliveira, técnico do América-MG
Para o goleiro Fernando Prass, o Vasco precisa seguir com os bons resultados para manter o clima de calma no elenco, mesmo sem a presença de Ricardo Gomes. "Dentro do nosso grupo temos a certeza de que o Cristovão tem totais condições de dar sequência ao trabalho do Ricardo Gomes. Precisamos dar tempo ao Ricardo e ao Cristovão neste momento e este tempo só teremos com mais vitórias", disse.

No América-MG, a esperança de bons resultados está na melhora de qualidade da equipe dentro de campo desde a chegada do técnico Givanildo Oliveira. Se depender do zagueiro Micão, o astral do América-MG continuará em alta mesmo com o clube vivendo um jejum de vitórias no Campeonato Brasileiro.

Siga o Twitter do iG Vasco e receba notícias do time em tempo real

"A gente não pode abaixar a cabeça e devemos continuar firmes. Estamos crescendo no campeonato. Sabemos que é difícil, mas temos tudo para escapar do rebaixamento", declarou.

Givanildo Oliveira, técnico do América-MG
AE
Givanildo Oliveira, técnico do América-MG
Para o defensor, o América-MG não merece ser rebaixado, pois os jogadores estão mostrando garra e vontade nos jogos. O atleta acredita que as vitórias não estão surgindo por falta de sorte. "O nosso grupo merece permanecer na série A, pois estamos lutando bastante. Está faltando um pouco de sorte a mais para sair com a vitória", afirmou.

Para enfrentar o time carioca, o técnico Givanildo Oliveira vai continuar sem poder contar com o atacante Alessandro, que sofreu estiramento grau um no músculo adutor da coxa direita, no jogo contra o Atlético-GO. O zagueiro Gabriel, que com dores na panturrilha esquerda ficou fora do jogo contra o Bahia, ainda é dúvida, e se não reunir condições para a partida, Otávio que atuou contra os baianos deve ser mantido na equipe.

FICHA TÉCNICA
AMÉRICA-MG X VASCO-RJ

Local: Estádio Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (MG)
Data: 04 de setembro de 2011 (domingo)
Horário: 16h (horário de Brasília)
Árbitro: Sandro Meira Ricci (DF)
Assistentes: Carlos Berkenbrock (SC) e César Augusto de Oliveira Vaz (DF)

AMÉRICA-MG: Neneca; Otávio, Micão e William Rocha; Marcos Rocha, Dudu, Amaral, Ulisses (Rodriguinho) e Gilson; Kempes e André Dias
Técnico: Givanildo Oliveira

VASCO: Fernando Prass; Fagner, Renato Silva, Victor Ramos e Márcio Careca; Rômulo, Eduardo Costa, Juninho Pernambucano e Diego Souza; Éder Luís e Élton
Técnico: Cristovão Borges

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.