Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Em 2011, São Paulo luta para recuperar domínio dentro do Morumbi

Aproveitamento no estádio na última temporada foi o segundo pior da década, entre outras marcas negativas

Levi Guimarães, iG São Paulo |

O São Paulo faz sua estreia como mandante em 2011 na noite desta quarta-feira, contra o São Bernardo. E ao longo de toda a temporada, o estádio do Morumbi pode ser uma arma fundamental para o clube voltar a conquistar títulos. Mas, para isso, é preciso recuperar o bom desempenho jogando dentro de casa, perdido nos últimos dois anos.

Em 2009, o aproveitamento de pontos no Morumbi (70,6%) já havia caído drasticamente em relação a 2008 (82,4%). Mas no ano passado, a marca foi ainda pior, fazendo com que o São Paulo terminasse com o segundo pior aproveitamento da década jogando em sua casa (66,7%). Um aproveitamento tão baixo dos pontos não acontecia desde 2001, quando apenas 65,4% foram conquistados.

Jorge Rosenberg/iG
Em 2010 o São Paulo lucrou com shows no Morumbi, como o de Paul McCartney, mas o desempenho do time no estádio decepcionou
O técnico Paulo César Carpegiani reconhece a necessidade de voltar a vencer mais jogando no Morumbi. Mas ele não acredita que apenas um pleno domínio no próprio estádio seja o suficiente. Para o comandante são-paulino, é preciso vencer em qualquer lugar.

“Jogando dentro ou fora temos sempre a obrigação de ganhar. É uma responsabilidade que está nos nossos ombros e eu não tiro. Faz parte para quem está em um grande clube, é esse o comprometimento que tem que ter com a torcida, com a imprensa. E isso é saudável”, afirma o treinador.

Mas se é óbvio que apenas vencer em casa não resolve, também é um fato que um melhor desempenho no seu próprio campo poderia ter feito a temporada do São Paulo muito melhor no ano passado. E, consequentemente, também pode fazer a diferença nesse.

Algumas estatísticas mostram como atrapalha perder pontos em casa. Em 2009 e 2010, anos de jejum de títulos, o São Paulo obteve os piores saldos de gols como mandante, apenas 30 e 24 gols, respectivamente. Para se ter uma ideia, em 2005, ano em que conquistou o Paulistão, a Libertadores e o Mundial, o saldo foi de 56 gols.

Além disso, 2010 também foi o ano com o maior número de derrotas do São Paulo jogando no Morumbi na última década: sete no total, mesmo número de 2002 e 2003. Enquanto no ano do tricampeonato brasileiro, 2008, o time sofreu apenas uma derrota em seu estádio.

Leia tudo sobre: são paulofutebol

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG