Tamanho do texto

Equipe de Luiz Felipe Scolari já tomou 22 gols e apenas cinco atuando como o mandante

Se a defesa pode ser considerada o grande trunfo do Palmeiras, dentro de casa, essa qualidade fica ainda maior. Em 2011, 77% dos gols sofridos aconteceram quando o time de Luiz Felipe Scolari estava fora de seus domínios. Ou seja, dos 22 gols que sofreu até aqui, 17 foram fora.

A média de gols tomados dentro de casa é de aproximadamente 0,3. Quando vai para fora, esse número aumenta muito e chega na casa dos 0,95. Só no duelo contra o Coritiba, no Couto Pereira, por exemplo, o time sofreu mais do que na temporada inteira dentro de casa: seis.

Siga o Twitter do iG Palmeiras e receba as notícias do seu time em tempo real

Quando não está em São Paulo, o Palmeiras também soma menos pontos do que quando está, mas a diferença é bem menor do que na relação entre gols feitos e gols sofridos. Os jogos como mandante são responsáveis por 56,8 dos 74 pontos somados em 2011.

Em um jogo fora, Palmeiras tomou mais do que sofreu em toda temporada como mandante
AE
Em um jogo fora, Palmeiras tomou mais do que sofreu em toda temporada como mandante


Esse total de pontos, aliás, corresponde a um incrível aproveitamento dos comandados de Luiz Felipe Scolari. O Palmeiras tem mais de 74% dos pontos que foram disputados. São 22 vitórias, oito empates e apenas três derrotas no ano inteiro considerando as partidas que valiam por algum campeonato.

Conheça o aplicativo Torcida Virtual e coloque seu time em 1º no ranking

Desses três resultados negativos, apenas um foi dentro de casa. Um bom exemplo disso é o Canindé. Foram seis jogos, seis triunfos, nenhum gol sofrido e 15 marcados. O estádio da Portuguesa tem grande responsabilidade na marca de 82,4% dos pontos conquistados jogando em casa.