Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Elenco da Portuguesa tenta evitar angústia antes de decisão na Série B

Principal fator em jogo para o clube rubro-verde é o fato de não depender de si para ter sucesso na busca pelo acesso

Gazeta Esportiva |

Ansiedade, aflição intensa e agonia são sintomas que indicam angústia, algo que um ser humano pode vivenciar antes de um grande acontecimento. Para o elenco da Portuguesa, alcançar o acesso na Série B do Campeonato Brasileiro seria um fato gigantesco, até mesmo heroico diante da situação do time. Antes da última rodada da competição, os atletas tentam manter a tranquilidade.

O principal fator em jogo para o clube rubro-verde é o fato de não depender de si para ter sucesso. A Lusa é 5ª colocada com 59 pontos, três abaixo do América-MG. Para adentrar o G-4, precisa vencer o Sport no Recife, às 17 horas (de Brasília) deste sábado, e contar com vitória da Ponte Preta sobre os mineiros em Campinas. A equipe do interior paulista não almeja mais nada na Segundona.

"Não dependemos apenas dos nossos resultados, mas temos que manter a tranquilidade e fazer a nossa parte", disse o atacante Dodô, que usa a voz da experiência para influir neste momento de tensão. Paulo Sérgio tenta fazer o mesmo. "Temos que fazer a nossa parte, sem pensar no resto. Se a Ponte vencer o América, mas nós não vencermos, não terá adiantado nada", pregou o lateral direito.

Para o confronto, o técnico Sérgio Guedes não poderá contar com três jogadores: o ala Fabrício está suspenso pelo terceiro cartão amarelo, assim como o zagueiro Maurício, que foi expulso na vitória sobre o Ipatinga, no último sábado. Já o meia Zé Carlos foi punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e também ganhou férias antecipadas no Canindé.

Leia tudo sobre: portuguesasérie b

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG