Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Edu Dracena rejeita fazer propaganda para Borges ir para a seleção

Zagueiro e capitão disse que é importante o artilheiro do Brasileirão ser "blindado" e ficar no Santos

Gazeta |

Borges é o artilheiro do Campeonato Brasileiro, com 16 gols, e por conta disso, o seu nome já começa a ser pedido em futuras convocações da seleção brasileira. Mas, no Santos, a ideia de seus companheiros não é fazer propaganda do futebol do centroavante para que ele seja lembrado pelo técnico da seleção, Mano Menezes. Segundo o zagueiro e capitão da equipe, Edu Dracena, o melhor no momento é deixar o camisa 9 jogando e balançando as redes.

"Deixa ele aqui, que a propaganda do Borges já está sendo feita. Ele tem feito o seu próprio marketing. Deixa ele aqui fazendo os gols dele", disse Dracena, temeroso que um excesso de promoção do futebol de Borges desperte o interesse de outros clubes na contratação do centroavante, ao final da temporada.

[]

"Não dá para 'vender' o trabalho do Borges, se não pode chegar alguém e tentar tirá-lo daqui. E esperamos que ele permaneça no Santos por muito tempo. Vamos fazer de tudo para segurá-lo, mesmo que haja muito assédio. Vamos blindá-lo", comentou o defensor.

Em relação à boa fase vivida por Borges na Vila Belmiro, Edu Dracena acredita que não só a qualidade dos jogadores do Santos, como o ambiente encontrado pelo centroavante no clube, o ajudaram a ter um desempenho tão positivo neste Brasileirão.

"Todo o atleta que chega hoje aqui é muito bem recebido. Os jogadores chegam em um dia e no outro parecem que estão aqui há muito tempo. E o Borges é um cara espetacular, do bem, experiente e que tem nos ajudado muito também fora de campo. Já dentro de campo, ele vem resolvendo pelo número de gols que tem marcado", encerrou.

Leia tudo sobre: santosseleção brasileirabrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG