Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Duque de Caxias tem dois jogos transferidos para Volta Redonda

Time carioca tem sofrido com a falta de um estádio fixo, já que o Marrentão, em Xerém, não está liberado

Gazeta |

Com o Estário Giullite Coutinho, em Mesquita, passando por reformas na iluminação, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) transferiu as duas próximas partidas do Duque de Caxias como mandante (contra o ASA-AL, em 16 de agosto, e a Portuguesa, dia 26) para o Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, no Sul Fluminense. E assim, a equipe vai manter sua fama de nômade na Série B.

Desde o início da competição, o clube sofre com a falta de um estádio fixo, já que a CBF não libera a casa tricolor, o Marrentão, em Xerém, por ter capacidade inferior aos 10 mil lugares exigidos pela entidade. E, com isso, o Duque de Caxias já atuou em cinco locais diferentes nas sete partidas que teve como mandante até o momento.

Na segunda rodada, o palco da derrota por 2 a 1 para o Criciúma foi São Januário. Depois, a equipe enfrentou o Vitória, no Engenhão, e também perdeu, desta vez por 3 a 2. Contra a Ponte Preta, na sexta rodada, o Giullite Coutinho foi a casa do Duque, que de novo foi derrotado: 2 a 0.

Quando o clube teve uma sequência de três jogos (Náutico, Grêmio-SP e Icasa) em um mesmo local, o Estádio Cláudio Moacyr, em Macaé, o desempenho foi um pouco melhor: dois empates e um revés. Mas então, para o último confronto, o palco voltou a mudar, desta vez para o Raulino de Oliveira e a equipe perdeu para o Goiás, por 3 a 2.

 

Leia tudo sobre: duque de caxiassérie b 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG