Atacante chegou em março e deve estrear contra o Atlético-PR, enquanto Dudu Cearense deve ficar no banco

O técnico Dorival Júnior comandou o primeiro coletivo do Atlético-MG na semana de estreia no Campeonato Brasileiro. Sem poder contar com o zagueiro Leonardo Silva e o volante Serginho , que estão suspensos, mais o lateral-esquerdo Guilherme Santos e o meia-atacante Mancini , que estão no departamento médico, o treinador mudou quatro jogadores do time que enfrentou o Cruzeiro no final de semana, ainda pelo Campeonato Mineiro. A grande novidade foi a presença de Guilherme no ataque, ao lado de Magno Alves . Já Dudu Cearense , outro reforço para o Brasileirão, treinou no time reserva.

A equipe titular do Atlético-MG no treino desta quarta-feira foi: Renan Ribeiro; Patric, Réver, Werley e Leandro; Fillipe Soutto, Richarlyson, Renan Oliveira e Giovanni Augusto; Magno Alves e Guilherme. O treino tático foi em campo reduzido e o time reserva era formado por Giovanni; Rafael Cruz, Lima, Luiz Eduardo e Eron; Toró, Gilberto, Dudu Cearense e Wesley; Neto Berola e Marquinhos Cambalhota.

Guilherme chegou ao Atlético-MG em março, como presente pelo 103º aniversário do clube. A expectativa era pela sua participação já na Copa do Brasil. Mas como o time foi eliminado pelo Grêmio Prudente, na segunda fase o jogador teve de aguardar até o Brasileiro para estrear. Diferentemente de Dudu Cearense, que já chegou ao clube depois da queda na Copa do Brasil, visando somente o Brasileirão.

O Atlético-MG vai estrear no Campeonato Brasileiro neste sábado, contra o Atlético-PR, às 18h30, na Arena do Jacaré. Antes da partida o técnico Dorival Júnior ainda vai comandar mais dois treinamentos, nesta quinta e sexta-feira, ambos no período da manhã, na Cidade do Galo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.