Treinador definiu o time e relacionou 19 jogadores para a partida contra o Botafogo, quarta-feira

Dorival Júnior foi apresentado como novo técnico do Inter
Gabriel Cardoso
Dorival Júnior foi apresentado como novo técnico do Inter
É um pedido antigo de torcedores, e uma ideia até mesmo dos dirigentes: rejuvenescer o time do Inter . Dorival Júnior foi o nome escolhido pelo presidente Giovanni Luigi por ser julgado capaz de bancar a entrada de jovens e saída de experientes cedo ou tarde. Ele confirmou essa tendência, caso a necessidade de comprove dentro de campo.

“É um fato natural. Foi minha primeira preocupação ao dizer que o grupo se mostra forte pelos exemplos positivos. Caso tenhamos a necessidade, se aparecer um jogador superior, é natural que tenha que acontecer. Espero que as posturas com os companheiros seja respeitosa, como tem acontecido com os atletas que aguardam a oportunidade. Esse jogadores tem um crédito, isso é levado em conta sempre, mas é natural que um ou outro atleta tenha seu crescimento e isso será observado”, admitiu.

Entre para a Torcida Virtual do Inter e convide seus amigos

Grêmio tem a maior torcida do Twitter. Amplie a do Inter

O treinador já sentiu em seu primeiro treino que o ambiente é de cobrança. Enquanto Dorival definia a escalação para o jogo contra o Botafogo, quarta-feira, 21h50, torcedores gritavam do lado de fora do estádio, pedindo a saída de alguns jogadores e a entrada de outros. “Tira o Matias” e “tira o Bolívar” foram frases ouvidas.

Por ter apenas um treino, Dorival fez poucas mudanças. Apenas sacou Tinga do time , promovendo a entrada de Andrezinho, que se desculpou com o grupo e foi reintegrado.

“Ele já resgatou a condição com o elenco, houve um pedido de desculpas, ele reconheceu que errou. Se ele está recuperado, é natural que eu faça uma opção. Tinga está em recuperação de uma sequência de jogos, não quero perdê-lo, vamos tentar tirar o máximo do Tinga também. Eu fui falar com ele”, explicou.

A escalação para enfrentar o Botafogo terá Muriel; Nei, Bolívar, Rodrigo Moledo e Zé Mário; Élton, Guiñazu, Andrezinho e D´Alessandro; Jô e Leandro Damião. Renan, Dalton, Glaydson, Tinga, Wilson Matias, João Paulo, Ricardo Goulart e Delatorre completam a lista de concentrados.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.