Para ver decisão do Mundial , festa sairá da praia e vai para estádio com TV dentro e fora dele

Reuters
Neymar abriu o placar na semifinal diante do Kashiwa Reysol com golaço. Santos fez 3 a 1
Telões na Vila Belmiro, dentro e fora do estádio. Desta maneira a diretoria do Santos pretende comemorar o título de campeão mundial com os torcedores. No domingo, às 8h30 (de Brasília), a equipe brasileira disputa a final da competição, contra o vencedor do Barcelona, de Messi, e Al Sadd, do Catar. Este jogo será nesta quinta, também 8h30. Em vez de barraca na praia , como na semifinal desta quarta contra o Kashiwa Reysol , o Santos abrirá a porta de seu estádio esperando uma multidão.

Leia também: Torcedores santistas amanhecem na praia para ver o jogo

“Cabem 15 mil pessoas no estádio só, mas esperamos isso. Por isso precisamos colocar dois telões dentro do estádio e um fora também, senão acontece uma tragédia”, explicou Marcel Calixto, representantes do departamento de marketing que organizou o evento desta quarta na praia do Gonzaga . Cerca de 150 pessoas acordaram cedo e foram até a barraca montada com cerveja, churrasco, café da manhã e telão – que ficou com uma TV a menos, que acabou quebrada. Os associados do clube pagaram R$ 40 e os não sócios R$ 60.

Leia também: Santistas exaltam Barcelona, mas se agarram a "chance única"

Para domingo, a ideia da diretoria é não cobrar entrada e sim aceitar doações – o acesso, limitado a 15 mil, seria feito com a entrega de agasalhos e alimentos não perecíveis. “Como o evento para a semifinal foi feito meio em cima da hora, não tínhamos uma verba disponível e precisávamos desse retorno financeiro. Mas para domingo vamos nos preparar e fazer um grande festa na Vila”, disse Calixto.

Veja também: Muricy Ramalho critica defesa e teme tragédia contra o Barcelona

Haverá negociação com a Polícia Militar e com a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) de Santos sobre a localização melhor para colocar o telão na parte de fora da Vila. Como será domingo, e não uma quarta-feira, milhares de pessoas e não centenas como no duelo contra os japoneses são esperadas.

A Prefeitura de Santos vai se preparar também para receber os torcedores em caso de título na tradicional festa na Praça Independência, para onde os torcedores iriam depois de deixar a Vila Belmiro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.