Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Diretor promete ir à justiça por título

Rafael De Piro, diretor jurídico do Flamengo, quer o reconhecimento do título brasileiro de 87 pela CBF

Gazeta |

Após o anúncio da CBF de que o Sport é o campeão brasileiro 1987, a diretoria do Flamengo atacou a entidade e, segundo o diretor jurídico Rafael De Piro, o clube vai buscar o título da Copa União na justiça comum. Para o dirigente, tal medida teve caráter político.

"É possível reaver o título porque isso é uma injustiça. O Flamengo conquistou o título no campo e ele foi tirado por uma medida política. Isso causa revolta para todos os rubro-negros. A CBF age assim: quando a justiça comum dá algo que ele quer, vale, mas caso não, ele age pela esfera esportiva. Nós vamos buscar na justiça este título", disse.

Em relação ao pagamento do restante do empréstimo do atacante Diogo, De Piro afirmou que caso haja o interesse do técnico Vanderlei Luxemburgo na sua permanência, o clube vai buscar recursos para honrar a dívida.

"Caso o departamento de futebol decida que quer contar com o jogador, o departamento jurídico e financeiro vai se movimentar para poder pagar esta dívida até a data. Temos que definir isso até o dia 6 de janeiro", finalizou.

Leia tudo sobre: FlamengoCampeonato Brasileiro

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG