Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Diretor do Santo André resiste e mantém crença em escapar da degola

Juraci Catarino prefere só lamentar situação quando a matemática não permitir mais a sequência da equipe na Série B

Gazeta Esportiva |

O Santo André está a um pequeno passo de ser rebaixado à Série C do Campeonato Brasileiro, mas ainda há quem nutra esperanças de permanecer na Segundona no clube. O diretor de futebol, Juraci Catarino, prefere só lamentar a situação quando a matemática não permitir mais a sequência da equipe na Série B.

"Sei que as combinações matemáticas estão bem complicadas, mas enquanto há vida, há esperança", afirmou o dirigente, ao site do clube. Para que a queda seja confirmada neste sábado, na penúltima rodada da competição, basta que o Guaratinguetá empate com o Figueirense dentro de casa.

A Garça do Vale tem seis pontos a mais do que o Ramalhão, restando seis em disputa. Para o Santo André escapar da queda, precisará contar com duas derrotas de Guaratinguetá, Ipatinga e Brasiliense e pelo menos um tropeço do América-RN, além de vencer seus confrontos.

A equipe volta a campo às 17 horas (de Brasília) do sábado para pegar o Bahia no Estádio Pituaçu, em Salvador.

Leia tudo sobre: santo andrésérie b

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG