Tamanho do texto

Roberto de Andrade diz que tem tudo certo com atacante, mas depende de liberação da Roma. Em nota, clube nega diretor e diz que não há qualquer acordo com o jogador

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237882715973&_c_=MiGComponente_C

O Corinthians já chegou a um acordo com o centroavante Adriano, que interessa ao clube para a próxima temporada. Quem garante é o diretor de futebol Roberto de Andrade, recentemente anunciado como substituto de Mário Gobbi na função.

AFP
Em má fase na Roma, Adriano foi convidado por Ronaldo a jogar no Corinthians

"Temos um acordo de um ano de contrato com o jogador", confessou o dirigente, em entrevista à "Rádio Bandeirantes".

Em nota oficial divulgada na manhã desta quarta-feira, a direção do Corinthians disse que "não existe acerto com o atacante Adriano, para que este defenda o clube do Parque São Jorge em 2011", disse a nota. "Como todo grande jogador, Adriano interessa ao Corinthians, mas afirmar que existe um acordo para ele jogar conosco ano que vem é prematuro", conclui.

Resta ainda, porém, conseguir um acerto com a Roma - que investiu para tirar Adriano do Flamengo e não obteve retorno dentro de campo. Rosella Sensi, presidente do clube italiano, garantiu a permanência do brasileiro na capital italiana em 2011. O que não fez Roberto de Andrade se abater: "A chance que temos de fechar é a mesma de não fechar. Torço para que dê certo".

Adriano foi convidado a jogar no Corinthians pelo amigo Ronaldo, que faz lobby em prol da contratação de seu parceiro de ataque na Copa do Mundo de 2006. O presidente Andrés Sanchez, no entanto, sempre desconversa quando aborda o assunto.

    Leia tudo sobre: futebol