Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Diretor do Bahia confirma saída de Morais e Adriano

Meio-campista será aproveitado pelo técnico Tite no Corinthians, enquanto atacante foi um dos destaques da Série B e voltará ao Fluminense

Gazeta Esportiva |

O diretor de futebol do Bahia, Paulo Angione, garantiu que o clube baiano não conseguirá segurar dois de seus principais jogadores na campanha do acesso à Série A do Campeonato Brasileiro. O meio-campista Morais voltará de empréstimo ao Corinthians e o atacante Adriano também será devolvido ao Fluminense.

Segundo Angione, o clube até queria segurar os jogadores, mas não terá condições. "Conversei com o Tite (técnico do Corinthians) por telefone e ele me falou que conta com Morais para 2011. Está descartada a permanência. Já Adriano foi valorizado pelo campeonato que fez. Mesmo que não fique no Fluminense, tem várias propostas para o exterior", comentou o dirigente, em entrevista ao "Correio", da Bahia.

A respeito do técnico Márcio Araújo, o cartola afirmou que ainda aguarda a decisão do comandante. "Ele vai consultar a família esta semana e definir se continua. Vamos esperar até a próxima quinta-feira. Mas ele é a nossa prioridade. Não quero criar expectativas com o torcedor. Eu preciso ser realista. Caso não fique no Bahia, faremos uma nova aposta, assim como fizemos com ele. O mercado está fervendo e os grandes nomes já possuem emprego", admitiu.

Em compensação, Angione está confiante no retorno do lateral Jancarlos e do volante Bruno Octávio, além da redução da pena do goleiro Renê, que foi pego no antidoping. "Conversei com Jancarlos. Quando ele se recuperar, a prioridade é voltar pro Bahia. Se não ficar no Corinthians, o Bruno Octávio segue mesmo caminho. Acreditamos na redução da pena de Renê", afirmou o dirigente, que disse que não fará loucuras para contratar atletas em 2011.

Leia tudo sobre: bahiamercado da bola

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG