Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Diretor de finanças corintiano mantém postura ajuizada por Tevez

Raul Corrêa da Silva diz que Corinthians não pode pagar nada ao City neste ano para ter atacante

Bruno Winckler, iG São Paulo |

AP
Tevez está distante do Corinthians
A contratação de Carlitos Tevez é vista cada vez mais como improvável pelo Corinthians e pela cúpula do presidente Andrés Sanchez no clube. O homem forte das finanças no Parque São Jorge, Raul Corrêa da Silva, diretor financeiro corintiano, diz que não é possível atender ao pedido do Manchester City de ter a primeira parcela do pagamento pelo jogador feita ainda nesta semana.

Siga a página do iG Corinthians no Twitter

"A proposta é aquela feita pelo presidente Andrés Sanchez (40 milhões de euros a serem pagos em quatro parcelas a partir de 2012). Não podemos fazer nada além disso e ele (Andrés) deixou clara essa decisão. Nossa proposta está dentro da nossa realidade e poderíamos atendê-la assim. Além disso, não podemos", disse Corrêa, ao iG.

Entre para a torcida virtual do Corinthians e convide seus amigos para entrarem também

O Corinthians contaria com as cotas de TV que receberá da TV Globo a partir de 2012 para bancar a contratação de Tevez. Como o clube tem a receber mais de R$ 100 milhões anualmente a partir do ano que vem até 2015 pelos direitos de transmissão dos seus jogos no Campeonato Brasileiro, as contas do clube não seriam afetadas como poderiam ser caso o clube se compromete a pagar a primeira parcela ainda neste ano.

No dia do anúncio de Andrés Sanchez, há uma semana, o presidente corintiano comprometeu de 20 a 25% dessas receitas de TV para bancar a "loucura" , como definiu o próprio presidente, de contar novamente com Tevez.

Sabendo da dificuldade em fechar a negociação, Sanchez já deixou acertada uma nova investida por Tevez no ano que vem. Apesar de não ser mais o presidente - seu mandato se encerra em dezembro - Sanchez acredita que seu sucessor poderá dar prosseguimento à sua "loucura".

Leia tudo sobre: corinthianstevezmanchester citymercado da bola

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG