Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Diogo reconhece atuação de poste contra o Ceará

Atacante sabe que rendimento do trio 3D ficou abaixo do esperado, mas ainda acredita no sucesso do esquema nos próximos jogos

Thales Soares, iG Rio de Janeiro |

No vestiário, depois do empate em 2 a 2 com o Ceará, o técnico Vanderlei Luxemburgo chamou Diogo e Diego Maurício de postes. Ele criticou a falta de movimentação dos jogadores, o que prejudicou o esquema com três atacantes, que ainda contava com Deivid.

Diogo não procurou desculpas ou respondeu rispidamente. Ele fez questão de reconhecer a mã atuação de ambos no jogo de quarta-feira, mas ainda tem esperança no sucesso do ataque 3D.

"Eu e Diego ficamos mais parados mesmo. Um pela direita e o outro pela esquerda. A gente poderia ter se movimentado mais no jogo, pois eles jogaram com três zagueiros e ficou complicado para o nosso time", admitiu Diogo.

Contra o Atlético-PR, domingo, ainda não se sabe se o técnico Vanderlei Luxemburgo vai manter o esquema com três atacantes. Marquinhos e Val Baiano são candidatos a entrar no time.

"Qualidade, os jogadores têm. Mas o Vanderlei ainda não disse nada. Vamos pensar no jogo, que é muito importante para o nosso time", disse Diogo, no desembarque da delegação no Galeão, nesta quinta-feira.

Os jogadores se reapresentam nesta sexta-feira, às 16h, num hotel da Barra da Tijuca e viajam para treinar à noite em Volta Redonda. O Flamengo tem 40 pontos e está na zona de classificação para a Copa Sul-Americana.

Leia tudo sobre: campeonato brasileiroflamengofutebol

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG