Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Diego Tardelli vai ser julgado por comemoração no clássico

Atacante do Atlético-MG pode tomar até seis partidas de suspensão se pegar a pena máxima. Réver protestou

Victor Martins, iG Belo Horizonte* |

O atacante Diego Tardelli vai ser julgado na próxima terça-feira e pode pegar até seis partidas de suspensão. Incurso em dois artigos, o que mais chamou atenção foi o de número 258-A do Código Brasileiro de Justiça Desportiva – provocar o público durante a partida. Tudo por conta da comemoração dele ao marcar o segundo gol do Atlético-MG no clássico com o Cruzeiro.

Depois de virar a partida, o jogador correu em direção aos cruzeirenses e fez o gesto de se maquiar. O ato do atleticano causou protestos dos torcedores rivais e também do atacante Wellington Paulista, que foi tirar satisfação com Diego Tardelli ainda dentro de campo.

AE
O gesto de Tardelli que pode acabar punindo-o. Segundo zagueiro, foi direcionado para a filha do atacante

Na mesma partida, o camisa 9 do Atlético-MG foi expulso e por isso está também no artigo 250 do CBJD - praticar ato desleal ou hostil durante a partida. O julgamento está marcado para terça-feira, no TJD de Minas Gerais. A possibilidade de Diego Tardelli pegar até seis partidas de suspensão pela comemoração de um gol não foi bem vista entre os jogadores.

Capitão do Atlético-MG, o zagueiro Réver saiu em defesa do atacante Diego Tardelli e pediu que o TJD use sua força para punir quem realmente quem prejudica o andamento da partida de futebol.

“Isso é sacanagem. Jogador faz o gol e não pode comemorar como ele gosta. Tem expulsão de jogador que vai para quebrar o companheiro de punição, pega três jogos e ninguém fala mais nada. Mas porque o jogador faz a comemoração para a filha, ele pode pegar seis jogos. Se continuar assim, vai acabar o futebol”.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG