Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Diego Souza não treina e vira dor de cabeça no Vasco para domingo

Gripado e com dores no joelho, meia é poupado. Se for vetado, Alecsandro começa jogando contra o Fluminense

Hilton Mattos, iG Rio de Janeiro |

O meia Diego Souza passou a ser a dúvida de última hora do técnico Ricardo Gomes para o clássico deste domingo, contra o Fluminense, no Engenhão. O jogador amanheceu com forte gripe e foi poupado do treino na manhã desta sexta-feira. Para piorar, o camisa 10 do Vasco ainda se queixa de forte pancada no joelho. Na quinta, o comandante já havia perdido os laterais Fágner e Ramon.

Perguntado sobre o aproveitamento do meia na partida, o treinador foi “realista”. Limitou-se a responder que vai aguardar 24 horas para estudar melhor o quadro do jogador.

“Ele está fortemente gripado. Foi poupado. Preocupa. No futebol, aprendi que devemos esperar. Para o azar de todos, a coletiva é na sexta, um dia antes da data prevista para avaliação do jogador. Sou realista. Se chegar amanhã e ele não tiver condições, não joga”, declarou Ricardo Gomes.

A possibilidade da ausência de Diego Souza pode apressar a estreia de Alecsandro. O atacante, a princípio, entraria na segunda etapa do clássico. No treino desta quinta, ele entrou no lugar de Bernardo durante o coletivo. Como o meia vem jogando improvisado na frente e briga, em tese, com o novo reforço, a entrada do ex-atacante do Internacional é inevitável.

“Não há o que inventar. Eles jogam na mesma posição. A saída do Diego implica na entrada de início do Alecsandro”.

 

Leia tudo sobre: vascodiego souza

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG