Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Desolada, Marta não tem respostas para fracasso da seleção

"Infelizmente não deu novamente, mas a gente sai daqui de cabeça erguida", afirmou a estrela brasileira após a eliminação

Gazeta |

Autora de dois gols na partida deste domingo e grande destaque da seleção brasileira durante a Copa do Mundo de Futebol Feminino, a atacante Marta estava desolada ao tentar explicar o fracasso no torneio. Eleita a melhor jogadora do mundo cinco vezes, Marta era a grande esperança do Brasil na conquista do título inédito para o futebol brasileiro.

Vaiada pela torcida durante grande parte do jogo, Marta não procurou achar culpados para a derrota do Brasil . Diante das fortes críticas que recebeu por não ter atuado bem na estreia e as que a zagueira Daiane, autora de um gol contra e responsável por ter desperdiçado sua cobrança de pênalti, e a goleira Andreia, que falhou no segundo gol americano no fim da prorrogação, estão sofrendo, Marta exaltou o Brasil como um grupo que vence e perde junto.

"Infelizmente não deu novamente, mas a gente sai daqui de cabeça erguida. A gente mostrou que joga em grupo. Nós atacamos em grupo e defendemos em grupo. E me doei 100% como eu sempre faço. Eu sempre dou o meu máximo em toda equipe que eu jogo, em todas as partidas da seleção. Infelizmente eu não tenho uma resposta para o que aconteceu. A gente não fez nada de errado", declarou Marta.

AFP
Autora de dois gols na partida, Marta não esconde o abatimento após o Brasil dizer adeus à chance de conquistar o inédito título

Marta ainda fez questão de exaltar o desempenho do Brasil durante a competição. O time brasileiro não perdeu uma partida sequer durante a Copa do Mundo e sucumbiu para as americanas nas cobranças de pênalti.

"Nós não perdemos uma partida na Copa do Mundo e chegamos a um momento em que não temos o controle da situação, que são os pênaltis. Eles são loteria mesmo e não deu para seguir em frente. Por isso, a gente sai daqui de cabeça erguida", disse a atacante, que estava muito emocionada.

Com essa derrota, o Brasil mantém a série de derrotas marcantes para a seleção norte-americana, que já tinha eliminado a seleção brasileira por duas vezes nas Olimpíadas. Agora os Estados Unidos enfrentam a França na próxima quarta-feira, pela semifinal da Copa do Mundo de Futebol Feminino.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG