Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

"Desafeto" de Adriano, técnico da Roma pede demissão

Ranieri estava no cargo desde 2009 e, neste período, conquistou um vice-campeonato italiano e outro da Copa da Itália

Gazeta Esportiva |

AFP
Ranieri alfinetou Adriano quando soube que atleta viria se recuperar de lesão no Brasil
Ameaçado pela má fase vivida pela equipe, o técnico Claudio Ranieri não resistiu à derrota por 4 a 3, de virada, para o Genoa, neste domingo, e pediu demissão da Roma. Ele estava no cargo desde 2009 e, neste período, conquistou um vice-campeonato italiano e um vice da Copa da Itália.

A troca de treinador pode ser benéfica para um astro brasileiro que anda em baixa no clube. O atacante Adriano, que atualmente se recupera de cirurgia no braço, nunca conseguiu a condição de titular com Ranieri e chegou a trocar farpas públicas com ele mais de uma vez.

Recentemente, antes que o "Imperador" viesse ao Rio para se recuperar, Ranieri o alfinetou dizendo que com certeza o jogador seria visto em carros alegóricos durante o Carnaval. Apesar da relação instável, porém, o comandante relutou em liberar o jogador para o Corinthians no início do ano, quando o clube paulista chegou a acertar salários com o atleta.

Leia tudo sobre: RomaClaudio RanieriAdrianoitaliafutebol mundial

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG