"Temos que ter mais ambição, acreditar que podemos vencer fora de casa", disse Vica após queda diante do Duque de Caxias

A derrota para o Duque de Caxias, nesta terça-feira, em Volta Redonda, manteve o jejum do ASA na Série B: a equipe alagoana ainda não venceu como visitante na competição - em nove jogos, são dois empates e sete derrotas. Para o técnico Vica, sua equipe precisa acreditar que pode vencer como visitante.

"O time mais uma vez não demonstrou potencial para vencer fora. Temos que ter mais ambição, acreditar que podemos vencer fora de casa. Mesmo dentro de casa, somos bem organizados, mas não somos uma equipe imbatível, temos alguns problemas, alguns erros, porém, felizmente, com o apoio do torcedor, conseguimos vencer", afirmou o treinador.

Com dez minutos de jogo, o ASA já estava perdendo por 2 a 0. O clube descontou ainda na primeira etapa, mas a reação parou nisso, fato que irritou Vica. "É complicado tomar dois gols em dez minutos, em um campeonato duro como a Série B, e um time em uma situação delicada, como o Duque. Tivemos a felicidade de fazer o gol e, com isso, entramos no jogo, mas não tivemos competência para buscar o empate", completou.

Agora, a equipe aposta no retrospecto como mandante para se reerguer na Série B. O time recebe o ameaçado Bragantino, neste sábado, para seguir próximo dos líderes. Com 24 pontos em 17 jogos, a equipe está na sétima colocação do torneio.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.