Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Derrota veio em "boa hora", dizem os jogadores do Corinthians

Perda da invencibilidade para a Ponte Preta aconteceu "quando podia", antes da fase mata-mata

Bruno Winckler, iG São Paulo |

Na reapresentação do Corinthians nesta quinta-feira, os jogadores da equipe comentaram a primeira derrota do time neste Campeonato Paulista, para a Ponte Preta, no Pacaembu, e avaliaram que apesar da lamentação pelo resultado, o revés veio "em boa hora".

"Nunca é bom perder. Seria interessante nos manter invictos, mas futebol é assim mesmo. Podemos usar essa derrota como exemplo para os próximos jogos. Perdemos num momento em que podemos recuperar, antes do mata-mata. De certa forma podemos dizer que foi uma derrota numa hora que não afeta muito", disse o lateral-esquerdo Fábio Santos.

O volante Paulinho concorda a visão do companheiro. "O Fábio colocou muito bem, claro que perder não era a intenção, mas perdemos onde podíamos ter pedido. Melhor agora do que na segunda fase, na fase do mata-mata, porque aí não tem volta", disse o volante.

O Corinthians tem 25 pontos no Paulistão e antes da derrota para a Ponte somava sete vitórias e quatro empates. Com o resultado, o time do Parque São Jorge agora divide a liderança do Estadual com Santos e Palmeiras.

Para Paulinho, apesar de derrota, o Corinthians não pode deixar de figurar entre os primeiros colocados até o final do campeonato. Os quatro clubes de cima na tabela jogarão em casa a partida única das quartas de final.

"A vantagem é pequena, mas é importante. Precisamos nos manter entre os primeiros para ter essa vantagem. O Tite já havia nos dito no início do campeonato que a meta era estar entre os três. A essa altura, estando entre os primeiros, temos de focar na primeira colocação", disse Paulinho.

Leia tudo sobre: corinthianscampeonato paulista 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG