Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Depois de assinar com a Rede Globo, Cruzeiro anuncia saída do C13

Zezé Perrella ainda cogita a possibilidade de processar a entidade, por ter assinado um outro contrato

Victor Martins, iG Belo Horizonte* |

Uma semana depois de fechar contrato de quatro anos com Rede Globo, o Cruzeiro vai se desligar do Clubes do 13. O presidente celeste, Zezé Perrella, admitiu que o clube vai pagar o empréstimo feito e com o C13 como avalista, assim, o contratado assinado pela entidade em nome do Cruzeiro não tem mais valor, diz o mandatário cruzeirense.

“O Fábio Koff fez uma canalhice com a gente. Arrumamos um adiantamento bancário com o aval do Clube dos 13. Esse empréstimo vai ser pago na próxima semana. Agora, sem explicação, o Fábio negociou com uma outra rede de televisão, sem autorização. Ele não tinha autorização para fazer esse contrato, apenas para começar uma conversa. A partir de segunda-feira, vou me desligar completamente do Clube dos 13”, afirmou Perrella à Rádio Itatiaia.

Bastante irritado com as atitudes de Fábio Koff, Zezé Perrella questionou o custo e o benefício do Clube dos 13. Segundo o dirigente cruzeirense, a tendência é o fim do C13 e a criação de uma Liga Nacional de Clubes. Irritado pelo fato de o Clube dos 13 ter assinado com a Rede TV!, sem autorização do Cruzeiro, Perrella até pensa em processar o C13.

“O Clube dos 13 virou um cartel da turma do Fábio Koff, que ganha R$ 100 mil para não fazer nada, ou apenas duas reuniões por ano. Acho que nós é que podemos indiciar o Clube dos 13 por má fé. Ele assinou um contrato sem garantia financeira da outra emissora, sem nada. A partir de agora temos de partir para fazer uma liga do futebol brasileiro. E não o Clube dos 13, que não tem mais motivo para existir. Só existia para negociar contrato de TV - afirmou o presidente do Cruzeiro”.
 

Leia tudo sobre: Cruzeiro

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG