Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Depois de 3 laterais diferentes, São Paulo tem a volta de Piris

Paraguaio esteve ausente das últimas três partidas da equipe, mas retorna para o duelo contra o Grêmio, no domingo

Mário André Monteiro, iG São Paulo |

Gazeta Press
Iván Piris, lateral direito do São Paulo
O dono da lateral direita do São Paulo está de volta. Iván Piris , que se ausentou das últimas três partidas da equipe dentro do Campeonato Brasileiro por estar servindo a seleção do Paraguai nas vitórias sobre Panamá e Honduras, chegou na última quinta-feira e está à disposição do técnico Adilson Batista para encarar o Grêmio , no próximo domingo, no Sul.

Siga o iG São Paulo no Twitter

Sem o paraguaio, o treinador são-paulino testou três opções no setor. Diante do Fluminense, no Morumbi, Jean foi o escolhido. Mas, no duelo contra o Figueirense, fora de casa, João Filipe atuou improvisado na função e foi muito bem. Por último, na vitória sobre o Atlético-MG, na última quarta-feira, Wellington foi o titular da posição.

Entre para a Torcida Virtual do São Paulo e convide seus amigos

Mesmo atuando em todos os jogos desde que chegou do Cerro Porteño, Piris disse que não se sente titular absoluto e espera pela decisão de Adilson. "Quem decide é o treinador. Vou esperar, mas volto querendo fazer o meu melhor para o time, assim como estava fazendo antes da seleção. Joguei os dois jogos pelo Paraguai e volto muito motivado", avisou o camisa 21. 

E, se depender do comandante, Piris será titular contra os gaúchos. Adilson Batista deixou escapar que a presença do paraguaio será fundamental para cobrir o setor esquerdo do ataque do rival, que tem o argentino Escudero como destaque. "Com o Piris o time ganha em marcação, ainda mais pelo lado do argentino Escudero, que é bem rápido", disse.

Piris retorna ao clube em um momento especial, depois de uma vitória e a marca de mil jogos alcançada por Rogério Ceni. Mesmo de longe, o paraguaio disse que acompanhou o dia de homenagens ao capitão. "Fiquei muito contente com a vitória no Morumbi e também pela festa para o Rogério, que fez mil jogos. Estou feliz com o momento que todos nós estamos passando no Campeonato Brasileiro", finalizou o lateral.

Neste domingo, o São Paulo viaja até Porto Alegre, onde enfrenta o Grêmio, no estádio Olímpico. Para voltar à liderança, a equipe de Adilson precisa vencer fora de casa e torcer por uma derrota do Corinthians, que enfrenta o Fluminense, no Rio de Janeiro.

Leia tudo sobre: São PauloBrasileirão 2011Iván Piris

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG