Goleiro se irrita com apenas dois pontos conquistados nos últimos nove que foram disputados no Brasileiro

Sem vencer e nem marcar gols há quatro partidas seguidas e somando apenas dois ponto nos último nove que disputou pelo Brasileirão, o Palmeiras começa a ser ameaçado pelos adversários que antes estavam mais na parte de baixo da tabela. Neste domingo, o time já foi ultrapassado pelo Botafogo e agora está a sete pontos do líder Corinthians. Vendo essa queda, Deola pede uma reação imediata.

Para o goleiro, o time não pode ficar muito tempo sem vencer porque uma demora na reação pode deixar a situação sem volta, com muitos pontos para serem buscados na parte final do Brasileirão.

Siga o Twitter do iG Palmeiras e receba as notícias do seu time em tempo real

“Nós fomos bem melhor, mas a bola não entrou. A gente ainda está bem no Brasileirão, estamos bem uma posição boa na tabela, mas quem almeja título precisa de um pouco mais. A bola teimou em não entrar, mas precisamos começar a reverter essas vitórias, porque estamos em uma situação boa ainda. Não pode deixar de voltar a ganhar, porque aí a gente cai na tabela e fica difícil”, afirmou Deola.

A última vitória do time aconteceu contra o Atlético-MG, no dia 30 de julho, quando a equipe venceu por 3 a 2 no Canindé. Essa foi também a última vez em que o time paulista fez gols.

Coloque seu time em 1º lugar no ranking da Torcida Virtual do iG Esporte

O próximo jogo do Palmeiras está marcado para esta quinta-feira, contra o Bahia. O encontro acontecerá no Canindé, estádio em que a equipe paulista ainda não perdeu neste ano e sofreu apenas dois gols. Marcos deve voltar a ser o titular.

null

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.