Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Deivid aposta tudo na sua recuperação

Atacante tem a confiança de Luxemburgo para voltar a brilhar depois de passar um ano abaixo de sua média

Thales Soares, enviado iG a Londrina |

Deivid voltou ao Brasil para jogar no Flamengo no meio do ano passado. Sua expectativa era de sucesso imediato, tanto que chegou a declarar não ter nada a provar. Pouco tempo depois, com apenas quatro gols marcados, a situação mudou e, agora, tenta mostrar que ainda pode ser o atacante que fez grandes campanhas com Cruzeiro, Corinthians e Santos.

Contratado quando Zico ainda era o diretor executivo do futebol, Deivid já está com 32 anos, mas garante ter condições de assumir o papel que se espera dele. Se tem certeza da confiança passada pelo técnico Vanderlei Luxemburgo, aposta num ano bem diferente com suas próprias fichas.

"Meu rendimento em 2010 foi bem abaixo do que posso fazer. Mas aposto muito em mim. Já consegui atingir o que eu queria na pré-temporada para poder voltar a fazer gols e ganhar os títulos que sempre ganhei", afirmou Deivid. "Cheguei num momento difícil, precisando substituir Adriano e Vagner Love. Agora, começando a temporada é diferente", explicou.

Em 2011, Deivid terá novos companheiros no ataque. Sem Val Baiano e Diogo, fora dos planos de Vanderlei Luxemburgo, ele tem, no momento, apenas a companhia de Wanderley, contratado na quinta-feira, que já treinou com o grupo. Diego Maurício, na seleção sub-20, e Negueba, na Copa São Paulo de Juniores, são os outros nomes para o setor.

O começo da nova fase será contra o Londrina, domingo, no Estádio do Café. Apesar de ser um amistoso, Deivid já mostrou que pretende jogar como se fosse uma partida oficial. Principalmente, depois da boa presença de torcedores no treinamento desta sexta-feira.

"Não gosto de perder nem para o meu filho (Cauan, de quatro anos). Quando jogo com ele é para valer. Se você entra mole num jogo desse tipo pode se machucar. Foi assim que quebrei a perna em 2008, quando estava no Fenerbahçe. Num jogo de pré-temporada", disse Deivid, referindo-se à fratura na fíbula da perna esquerda.

Leia tudo sobre: FutebolFlamengo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG