Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Defensores do América-MG admitem falhas, mas não jogam a toalha

Zagueiros Micão e Otávio tiveram que se explicar após derrota por 3 a 1 em casa para o Coritiba no último domingo

Gazeta |

O setor defensivo do América-MG , que foi elogiado pelo técnico Antônio Lopes nas partidas contra Figueirense e Grêmio, não conseguiu repetir as boas atuações diante do Coritiba. Após a derrota por 3 a 1, os defensores tentaram se explicar após mais um revés da equipe no Campeonato Brasileiro. O zagueiro Micão admitiu as falhas, mas afirmou que o momento é de levantar a cabeça.

Entre para a Torcida Virtual do América-MG e convide seus amigos

"É difícil, erramos muito, já tínhamos acertado a defesa, mas voltamos a falhar. Agora, é vida que segue, o Campeonato Brasileiro é longo, e vamos tirar dessa situação forças para os jogos seguintes. O Campeonato Brasileiro é assim, o time sai de uma partida complicada, e entra em outra, mas nada está perdido", declarou Micão.

Otávio lamentou a derrota para o Coxa, mas ainda não joga a toalha e sonha com vitória diante do Corinthians, na próxima quarta-feira. Segundo o defensor, a estratégia para superar o time paulista atuando fora de casa será a de atuar fechadinho e sair nos contra-ataques, para assim buscar os três pontos e deixar a última colocação do Campeonato Brasileiro.

"É complicado, não podíamos ter perdido. Agora é correr atrás e quarta-feira buscar o resultado lá em São Paulo contra o Corinthians. Nossa marcação começou errada e eles fizeram os dois primeiros gols e aí complicou. É muito difícil reverter o placar de 2 a 0. Agora é jogar fechado e sair nos contragolpes para a gente buscar os três pontos lá", afirmou Otávio.

Leia tudo sobre: américa-mgbrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG