Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

De volta ao Brasil, Brandão inicia treino no Cruzeiro

Atacante - que ficou nove anos e meio fora do país - treina para readaptar-se ao futebol brasileiro

Agência Estado |

De volta ao Brasil, após acertar sua situação com o Olympique de Marselha, o atacante Brandão iniciou nesta segunda-feira suas atividades no Cruzeiro. Ele foi a novidade no treino que contou com os jogadores não relacionados para a partida de domingo, contra o América-MG, pelo Estadual.

"Foi muita correria. Cheguei ontem [domingo] de viagem, deu para descansar um pouco. Agora é me readaptar logo ao futebol brasileiro, e pretendo fazer isso o mais rápido possível. O treino foi tranquilo, puxado. Não estou mais acostumado com o ritmo do Brasil, já que estava fora há nove anos e meio", avaliou o atacante, que ficará no Cruzeiro por empréstimo até o final do ano.

Após participar de seu primeiro treino pelo Cruzeiro, o atleta admitiu ter sentido a diferença para as atividades que realizada na França. "Aqui é bem diferente. Na Europa a gente treinava uma vez por dia, os treinos são mais leves. Aqui no Brasil é tudo corrido. Mas espero estar preparado logo para poder jogar", comparou.

Ainda fora de sua melhor forma física, Brandão fará testes físicos nesta terça. "O Brandão ficou parado uns 10 ou 15 dias, mas não perdeu muita coisa. A partir de amanhã ele vai fazer um trabalho mais direcionado, com avaliações físicas, quando a gente vai saber como o Brandão está no que se refere a força, equilíbrio muscular, resistência", explicou o preparador físico Quintiliano Lemos.

Sem poder ser inscrito no Campeonato Mineiro e na fase de grupos da Copa Libertadores, o atacante aproveitará as próximas semanas para fazer um trabalho de "pré-temporada". "Este será um tempo para a gente fazer uma pré-temporada com o Brandão, trabalhos específicos para ele. Conversei com ele hoje sobre ritmo de jogo, a diferença da forma de jogar no Brasil e na Europa, já que aqui os jogos são mais pegados, o ritmo é mais forte. Ele vai voltar a se adaptar ao futebol brasileiro", comentou o preparador.

Leia tudo sobre: cruzeirofutebol mundialfrança

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG