Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

De volta à Vila, Flamengo vai da arrancada de 2009 ao melancólico fim em 2010

Time encerra participação no Campeonato Brasileiro no mesmo palco onde iniciou caminhada rumo ao título da competição no ano passado

Thales Soares, iG Rio de Janeiro |

O Flamengo vai encerrar domingo, às 17h, contra o Santos, sua melancólica participação no Campeonato Brasileiro de 2010, quando defendia o título da competição. A Vila Belmiro, palco do jogo, serve para mostrar o contraste de um clube, que passou de uma emblemática vitória a um enfadonho jogo com quase nada a ser disputado.

No ano passado, o Flamengo havia demitido Cuca. Andrade assumia interinamente o cargo. Fez sua estreia no dia 26 de julho, justamente contra o Santos, na Vila, onde o clube só contabilizava uma vitória, conquistada em 1976. O time venceu por 2 a 1, de virada, e iniciou ali a caminhada rumo ao título. Agora, com muita sorte, a vaga na Copa Sul-Americana de 2011 pode ser o ponto máximo da temporada.

"A situação agora é diferente. Na época, sabíamos do potencial do grupo e havia uma competição inteira pela frente. Precisamos entrar em campo domingo na Vila Belmiro pensando na possibilidade de classificar o time para a Copa Sul-Americana e terminar a competição com dignidade", comentou o zagueiro Welinton, um dos seis jogadores do atual grupo que participaram daquele jogo.

Além de Welinton, também estiveram em campo Ronaldo Angelim, Leonardo Moura, Willians, Kleberson e Fierro. Adriano marcou um gol e o outro foi contra de Pará. Andrade deixou o campo às lágrimas, emocionado com a morte do ex-goleiro Zé Carlos, dias antes do jogo.

"Na época, fiz questão de dedicar aquela vitória ao Zé Carlos. Era um amigo que nunca vou esquecer, além de ter sido um grande jogador. Tive a oportunidade de comandar aquele time, que me deu uma alegria enorme com a conquista do título brasileiro", comentou Andrade, que terminou 2010 rebaixado para a Série C com o Brasiliense.

Antes desse jogo no ano passado, o Flamengo só havia vencido o Santos uma vez na Vila Belmiro. Em 21 de julho de 1976, num amistoso, Vanderlei Luxemburgo marcou o gol da vitória por 2 a 1. Até então, ele se vangloriava disso e era lembrado a cada encontro entre as duas equipes no estádio.

"Essa o Andrade me tirou. E eu estava do outro lado", brincou Luxemburgo, que era técnico do Santos naquele confronto do ano passado.

Leia tudo sobre: campeonato brasileiroflamengofutebol

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG