Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

De virada, Inter perde para o Veranópolis

Técnico Celso Roth utilizou o time principal, mas não foi suficiente. Leandro Damião voltou a marcar gol

Gabriel Cardoso, iG Porto Alegre |

Alexandre Lops/AI Internacional
Jogadores comemoram o gol de Leandro Damião
Jogando fora de casa o Internacional perdeu para o Veranópolis por 2 a 1 pela sétima rodada do primeiro turno do Campeonato Gaúcho. O atacante Leandro Damião marcou para os visitantes logo aos 4 minutos de jogo, mas Luiz Carlos empatou para a equipe da serra gaúcha na segunda etapa e Alê virou no final da partida. Com o resultado o time da capital ainda não está classificado para a próxima fase e precisará somar pontos na última rodada para garantir vaga entre os 4 primeiros do grupo 1.

O Inter voltou a utilizar o time principal. Sem o meia-atacante Zé Roberto, machucado, o técnico Celso Roth optou por começar a partida com Andrezinho, deixando Leandro Damião mais isolado no ataque. O Inter criou pouco, mas conseguiu terminar o primeiro tempo em vantagem.

O Veranópolis, que já havia levado 8 cartões vermelhos no campeonato, foi bastante violento no primeiro tempo. Na segunda etapa o dono da casa jogou mais futebol e conseguiu virar o jogo.

O Inter ficou com 12 pontos em 7 jogos no grupo 1 e o Veranopolis chegou a 10 pontos no grupo 2. Ambos precisam pontuar na última rodada para assegurar a classificação para a fase seguinte.

O clube da capital fecha a participação na primeira fase no próximo fim de semana. Os titulares vão receber o Pelotas no estádio Beira-Rio em partida marcada para o domingo (dia 13). A diretoria já pediu a antecipação da partida para sábado (dia 12), pois no dia seguinte começa a viagem para Guayaquil onde vai enfrentar o Emelec dia 16 na estreia da Libertadores. Caso a data não seja alterada o Inter B deve ser utilizado. O Veranópolis vai enfrentar o Ypiranga, em Erechim, no domingo.

O Jogo:
Não deu muito tempo de bola rolando para o placar mudar. O Inter trocou passes, envolveu o Veranópolis, e Leandro Damião fez o gol antes dos 4 minutos. Andrezinho lançou D´Alessandro no lado direito do campo, o argentino fez grande cruzamento e o centroavante finalizou para o fundo do gol.

O Veranópolis melhorou um pouco após o gol sofrido e levou perigo à meta do Inter. Luiz Carlos acertou bons chutes aos 17 e aos 21 minutos e obrigou o goleiro Lauro a trabalhar. Comandado por D´Alessandro o clube da capital tentou criar outras oportunidades, mas esbarrou na marcação e algumas vezes na violência do adversário.

Logo no início da segunda etapa um erro grave da arbitragem. O zagueiro Sananduva pisou nas costas de Leandro Damião, que estava no chão, e não recebeu o cartão. Seria o segundo amarelo do jogador na partida.

O Inter teve uma boa chance com Tinga, mas ele acabou chutando nos pés do goleiro. No rebote Kleber cruzou e Damião cabeceou para fora. O time da casa chegou ao empate aos 22 minutos: Luiz Carlos mandou um chute de longe e acertou o ângulo do goleiro Lauro.

A partir daí o jogo ficou aberto, com oportunidades para os dois lados. D´Alessandro, em cobrança de falta, quase voltou a colocar o Inter na frente. O lateral Raulen arriscou o chute e obrigou Lauro a trabalhar. Aos 41, Damião, dentro da área, teve o chute bloqueado.

Quando o jogo se encaminhava para o fim o Veranópolis conseguiu a virada. Aos 48 minutos, Raulen chutou cruzado e Alê completou para o gol: Veranopolis 2 x 1 Inter.


FICHA TÉCNICA - VERANÓPOLIS 2X1 INTERNACIONAL

Local: Estádio Antonio David Farina, em Veranópolis (RS)
Data: 06 de fevereiro de 2011, no domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Márcio Coruja
Auxiliares: Paulo Ricardo Conceição e Jorge Luiz da Silva
Cartão amarelo: Anderson Lobão, Sananduva, Carlos Alberto (Veranópolis); Tinga (Internacional)

GOLS:
Veranópolis: Luiz Carlos, aos 22 minutos do segundo tempo e Alê, aos 48 minutos do segundo tempo.
Internacional: Leandro Damião, aos 4 minutos do primeiro tempo.

Veranópolis: Luiz Muller; Fred, Anderson Bill, e Sananduva; Raulen, Neto, Alê, Carlos Alberto (William) e Rodrigo Ninja; Anderson Lobão (Gilson) e Luiz Carlos.
Técnico: Leandro Machado.

Internacional: Lauro; Nei, Índio, Sorondo e Kléber; Wilson Matias, Guiñazu, Tinga (Glaydson) e Andrezinho (Alex); D´Alessandro e Leandro Damião.
Técnico: Celso Roth.

 

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG