Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

De terno e gravata, Ronaldo é homenageado pelo Real Madrid

Atacante brasileiro jogou quatro anos e meio no clube espanhol. Ele recebeu um troféu e deu o pontapé inicial da partida

iG São Paulo |

Aposentado há pouco mais de um mês, Ronaldo recebeu neste sábado uma homenagem do Real Madrid, clube que defendeu por mais de quatro anos e marcou 104 gols. Se na seleção brasileira o atacante vai jogar em uma partida de despedida, no clube espanhol a festa foi de terno e gravata, antes do jogo contra o Sporting Gijon.



No Santiago Bernabéu, Ronaldo recebeu um troféu e deu o pontapé inicial da partida válida pelo Campeonato Espanhol. O brasileiro chegou ao Real Madrid em 2002, após a Copa do Mundo, e ficou até 2007. Em mais de quatro anos, venceu um Mundial Interclubes e dois Campeonatos Espanhois.

Em junho, o atacante receberá uma homenagem da CBF (Confederação Brasileira de Futebol). Ronaldo vai participar do amistoso contra a Romênia, no Pacaembu. O jogo será o último do Brasil antes da Copa América.

Feliz com a homenagem em Madri, o "Fenômeno" rasgou elogios ao Real. "Foi um momento muito emocionante. Muitas lembranças vieram à minha cabeça, muitos detalhes de partidas com a camisa do Real Madrid. Estou muito emocionado. Para mim, foi voltar à minha casa", afirmou o brasileiro. "Estou muito orgulhoso de ter feito parte da história do Real Madrid porque é o maior clube do mundo", acrescentou.

Ronaldo ainda elogiou Zinedine Zidane e disse que o francês foi o melhor jogador com quem atuou. "Zidane foi o jogador com quem mais gostei de jogar. Ver as coisas que fazia e a elegância com que fazia era um luxo. É um grande amigo, nos divertimos muito jogando juntos." Por último, agradeceu o carinho do presidente Florentino Pérez. "É como um pai para mim. Sempre foi muito próximo e nossa relação é de amizade, com muito carinho e respeito

Elogios a “Mou”
Antes de receber a homenagem, Ronaldo elogiou o atual técnico do time, José Mourinho. "Gostaria muito de jogar nesta equipe de 'Mou', mas minha época já passou", afirmou em entrevista ao jornal AS.
O brasileiro conheceu o técnico português quando atuava no maior rival do Real Madrid, o Barcelona. Em 1997, Mourinho era auxiliar técnico no clube catalão, que tinha Ronaldo como sua principal estrela.


 

Leia tudo sobre: RonaldoReal MadridEspanhafutebol mundial

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG