Com passagens pelo Real Betis, da Espanha, e pelo Lokomotiv Moscou, da Rússia, essa será a primeira vez que o jogador atuará no país asiático

Depois de realizar a sua última partida pela equipe do São Paulo no último domingo, diante do Atlético-MG, no Morumbi, o meia Jorge Wagner, que estava desde 2008 no Morumbi, já começa a pensar em como será sua vida no novo clube, o Kashiwa Reysol, do Japão, com o qual assinou um contrato pelos próximos dois anos.

Com passagens pelo Real Betis, da Espanha, e pelo Lokomotiv Moscou, da Rússia, essa será a primeira vez que o jogador atuará no país asiático. Porém, o meio-campista garante que fará de tudo para se adaptar rápido ao local e virar ídolo dos japoneses.

"Estou indo para lá com este objetivo (de ser ídolo). Sempre quis jogar lá. Vou me interessar pela língua deles e quero também aprender sobre a cultura do país", afirmou, assegurando que espera uma ótima recepção.

"Vou ter esta oportunidade de dar uma condição boa para a minha família. O povo japonês tem um carinho especial pelo brasileiro", completou o atleta, que, em 210 jogos, marcou 22 gols e deu 55 assistências.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.