Tamanho do texto

Meia foi poupado do treino da manhã, por conta de um pisão no pé, mas não preocupa para o jogo de sábado

O meia-atacante Daniel Carvalho , que chegou a figurar em uma lista de dispensa do Atlético-MG após a chegada do técnico Cuca , conseguiu dar a volta por cima e hoje é titular absoluto da equipe alvinegra. O atleta, que foi poupado das atividades desta quarta-feira em função de uma leve inflamação no dedo do pé esquerdo, revela que aproveitou o tempo fora do campo para aprimorar a forma a física na academia.

Veja a classificação e a tabela de jogos do Brasileirão

"Eu treinei um pedacinho ali do aquecimento e voltei a trabalhar dentro da academia. No momento em que estamos não podemos ficar parados. Treinei à parte, mas creio que não terá problema nenhum para o final de semana", declarou.

Siga o Twitter do iG Atlético-MG e receba notícias do time em tempo real

O médico do Atlético-MG, Marcos Vinícius dos Santos, concorda com Daniel Carvalho e afirma que o atleta estará liberado para sábado. "Ele levou um pisão e a unha partiu. Uma parte da unha se soltou e está dolorida. Ele não suportou participar da atividade no campo nesta quarta. Portanto, achamos melhor que ele interrompesse o trabalho para realizar uma atividade física, sem usar chuteiras. Assim, a unha vai cicatrizar melhor", explicou.

Entre para a Torcida Virtual do Atlético-MG e chame seus amigos

Questionado sobre a evolução do Atlético-MG no Brasileiro, após a sua entrada no time, Daniel Carvalho admite que deu uma contribuição, mas afirma que não fez nada sozinho. "Posso dizer que dei uma contribuição, mas não só eu. Todo mundo começou a ajudar, então é uma coincidência eu entrar no time e começarem as vitórias. Essa vontade de todos os jogadores é que está fazendo a diferença nos resultados do segundo turno", concluiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.